Brasil: gastos de TI chegam a 9,6% do PIB em 2010, diz Gartner

Hermano Freitas, Portal Terra

S O PAULO - O Gartner, líder mundial em pesquisa e aconselhamento sobre tecnologia, previu nesta terça-feira, em São Paulo, que os gastos dos usuários finais de TI no Brasil devem chegar a R$ 101,3 bilhões em 2010, um percentual de 9,6 % do Produto Interno Bruto do País. A taxa dos gastos de Ti com relação ao PIB estaria, de acordo com o Gartner, acima da média de 6,1% para todos os Brics - Brasil, Rúsia, Índia e China.

Os gastos com TI no Brasil são mais que o dobro do que na Rússia e superam os da Índia em 33%. Sendo a décima maior economia global, o País é o segundo maior mercado de TI entre as potências emergentes, perdendo apenas para a China.

Peter Sondergaard, vice-presidente sênior do Gartner Research, diz que "como percentagem do PIB, os gastos de TI no Brasil estão crescendo mais rapidamnente do que na Rússia, Índia e China, porque a TI é difundida entre as organizações de grande porte e empresas de pequeno e médio porte, governo e todos os segmentos de consumo". O executivo destaca a diferença entre os mercados. "Isso é diferente de outros países dos Brics, como a Índia, onde os gastos de TI são cocentrados principalmente em serviços e como a China, onde a concentração é em grande projetos de TI do governo central."

Os gastos com TI no Brasil quase dobraram no último ano. Segundo Donald Feinberg, chairman do Simpósio e vice-presidente e analista emérito do Gartner, o desembolso do País de uma forma geral cresceu 83% entre abril de 2009 e abril deste ano. "Não gastamos muito com TI. Certamente gastamos menos do que poderíamos e menos do que deveríamos", afirmou.

Também de 2009 para 2010, a América Latina deu um salto: a região, que representava 1,3% dos gastos mundiais com TI, hoje representa uma parcela de 4%.

As empresas brasileiras, em média, aplicam 2% de seus lucros em Tecnologia da Informação, enquanto a média mundial varia entre 4% e 5%.

O encontro com a imprensa em São Paulo, nesta terça, anuncia o Symposium ITxpo Brazil 2010, principal evento mundial do Gartner que acontece em apenas cinco países e que será realizado pela primeira vez no Brasil, até esta quinta-feira, no WTC Hotel (Av. das Nações Unidas, 12559, em São Paulo).

O simpósio reúne mais de mil participantes, 21 analistas e oferece 83 palestras, sendo 50 apresentações Gartner, 2 Keynotes, 1 Painel Mastermind, 3 Casos de Sucesso de Clientes, 6 Workshops, 8 Roundtables, 3 Clínicas de Contratos e 2 Clínicas de Estratégia de TI e 6 Apresentações de Quadrantes Mágicos.