Super-homem em perigo: criptonita achada na Sérvia

Agência ANSA

LONDRES - A criptonita, a pedra que diminui os poderes do Super-Homem, não é mais uma invenção dos criadores da história em quadrinhos, mas uma substância que existe de verdade.

Uma equipe de geólogos britânicos descobriu na cidade de Jarda, na Sérvia, um mineral, batizado de jadarita, que possui praticamente a mesma composição da criptonita, descrita na HQ e que é utilizada por Lex Luthor e outros vilões contra o Super-Homem, originário de Krypton, planeta formado pela pedra que inibe os poderes do super-herói.

Vários testes conduzidos pelo Museu de História Natural de Londres e pelo Conselho Nacional de Pesquisa do Canadá confirmaram que a substância é um novo mineral. "Devemos ficar atentos. Não queremos privar a Terra do super-herói mais famoso do mundo", brincou o doutor Chris Stanley, um geólogo do Museu de História Natural de Londres.

Stanley declarou que descobriu que a pedra tem a mesma composição química da criptonita (hidróxido de silicato de sódio lítio e boro) depois de visitar vários sites da internet feitos por fanáticos pelo personagem.

Ao contrário da pedra que tira os poderes do Super-Homem, a verdadeira criptonita não é verde mas branca (e não contém flúor) e se encontra sob a forma de pó.

A jadarita será exposta no Museu de História Natural de Londres amanhã e no dia 13 de maio.