OMS confirma possibilidade de transmissão da covid-19 de humanos para gatos, cães e outros animais

Organização Mundial da Saúde (OMS) atesta possibilidade de contágio de humanos para animais e recomenda que pessoas infectadas fiquem longe de seus animais domésticos

AP Photo / Seth Wenig
Credit...AP Photo / Seth Wenig

A representante russa da OMS, Melita Vujnovic, confirmou nessa segunda (5) a possibilidade de transmissão da covid-19 de humanos para gatos, cães, tigres, leões, entre outros animais. Estudos continuam em curso para descobrir outras espécies que possam ser receptivas ao coronavírus.

"O vírus covid-19 se espalha principalmente através da transmissão de pessoa para pessoa, mas há evidências de transmissão de pessoa para animal, pois é um vírus zoonótico. Vários animais, incluindo visons, cães, gatos, leões, tigres, martes e cães-guaxinim, que entraram em contato com pessoas infectadas, tiveram resultados positivos para covid-19. O processo de estudar o efeito do vírus em outras espécies de animais está em andamento", disse Vujnovic.

Porém, a representante da OMS também afirma que um "hospedeiro intermediário" ainda não foi identificado.

Ainda segundo Vuljnovic, é importante entender quais animais são mais "suscetíveis ao vírus, a fim de encontrar outros reservatórios em outras espécies em potencial e evitar surtos futuros", declarando que a OMS recomenda para pessoas testadas positivas limitarem o contato com animais de estimação.

"Atualmente, é recomendado que pessoas com COVID-19 limitem o contato com animais de estimação e outros animais. À medida que os vírus se movem entre as populações de humanos e animais, modificações genéticas do vírus podem ocorrer e essas mudanças podem ter consequências para a doença que infecta humanos", disse Vuljnovic.

No dia 29 de março, a OMS relatou que muito provavelmente o vírus tenha saltado de animais para humanos, possivelmente proveniente de morcegos.(com agência Sputnik Brasil)