Achado 'fascinante': templo de Afrodite de 2.500 anos é descoberto na Turquia

Durante a análise da superfície das cidades foram encontrados 35 assentamentos pré-históricos, mas o grande achado até o momento é um templo da deusa grega Afrodite do século VI a.C.

Foto: Zachary Wong
Credit...Foto: Zachary Wong

Uma equipe de cientistas e arqueólogos turcos descobriu os restos de um templo de Afrodite de 2.500 anos no oeste da Turquia. O achado é o resultado da análise de uma área de 1.600 metros quadrados que cobre trechos das cidades de Urla, Cesme e Seferihisar, e revelou ainda 35 assentamentos humanos da era pré-histórica, incluindo 16 do final do período Neolítico, reportou a agência Anadolu.

[Templo de Afrodite de 2.500 anos é descoberto na Turquia[

"Durante nossa análise da superfície, detectamos o templo de Afrodite do século VI a.C. Afrodite [era] um culto comum naquela época [e esta] é uma descoberta fascinante e impressionante", comenta à mídia Elif Koparal, que lidera as escavações na área.

Afrodite é a antiga deusa grega da beleza, do amor e da sexualidade. Como ressaltou Koparal, o culto à Afrodite era bastante comum na Grécia Antiga e foi importado por partes da Ásia.

[Arqueólogos conduzindo pesquisas em Urla [Turquia] chegam às ruínas do templo de Afrodite de 2.500 anos]

O pesquisador explica que foram identificados 460 povoamentos e elementos paisagísticos na região, onde existiam santuários, túmulos, caminhos pedonais, socalcos, aldeias e quintas utilizadas nos tempos antigos. Também foram obtidos dados sobre as relações econômicas e sociais dos moradores da região, cuja história remonta a 6 mil a.C. (com agência Sputnik Brasil)