Indonésios exigem indenização à Reebok

Cerca de 6.500 funcionários indonésios da empresa PT Dong Joe, fabricante de calçados da marca Reebook, protestaram hoje em Tentarang, perto de Jacarta, para exigir o pagamento de aproximadamente US$ 11 milhões, segundo informaram as agências internacionais.

De acordo com o Sindicato Nacional de Trabalhadores da Indonésia, os empregados foram demitidos em setembro de 2006 e agora exigem receber os salários e indenizações atrasadas.

Do total a ser pago, a PT Dong Joe deve cerca de US$ 3 milhões em salários e mais de US$ 7 milhões em indenizações. A PT Dong Joe entrou em concordata no dia 7 de dezembro de 2006 e seus ativos deveriam ir a leilão entre 21 de março e 21 de maio deste ano.