Editora UFRJ entra na roda com Samba, sambistas e sociedade

...

Foto: reprodução
Credit...Foto: reprodução

A Editora UFRJ lança o livro "Samba, sambistas e sociedade: um ensaio etnomusicológico", de Samuel Araújo, professor titular de Etnomusicologia da Escola de Música da UFRJ, que apresenta uma história crítica do samba na cidade do Rio de Janeiro do início dos anos 1990. O lançamento será nesta sexta (6), das 17h às 19h, na livraria Folha Seca, à rua do Ouvidor, 37, Centro do Rio.

 

Macaque in the trees
Capa do livro (Foto: reprodução)

 

O foco mais específico do texto recai sobre a elaboração de sambas enredo e algumas particularidades do trabalho musical das baterias de escolas de samba. Samuel Araújo procura ilustrar a relação entre ambos os fazeres e sua importância para a solução de dilemas sociais de maior abrangência no país e para a mediação entre os diversos aspectos do samba, propondo romper com estratégias na área da música, como a de inferiorização de negras e negros brasileiros.

O autor recusa o fortalecimento do status quo eurocêntrico, que desqualifica a produção de não ocidentais, não europeus e não brancos e introduz o conceito de “trabalho acústico”, que estabelece condições para que a produção artística de afrodescendentes e a porção de humanidade que estes representam se mostrem em toda plenitude produtiva e comunicacional.



O autor, professor Samuel Araújo
Capa do livro


Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais