'Follow me, baby' será exibida pelo YouTube

O roteiro é de Ivan Jaf e a direção, de Rose Abdallah

Foto: Nando Machado
Credit...Foto: Nando Machado

Uma atriz com a carreira em decadência vê a chance de recuperar visibilidade e estabilidade financeira. No entanto, o trabalho em questão, oferecido pelo diretor de merchandising de uma grande emissora de TV, traz à tona traumas profundos. Essa é a premissa da tragicomédia teatral "Follow me, baby", que será transmitida pelo YouTube nessa sexta (19), às 20h.

"Follow me, baby" é um texto de Ivan Jaf, e tem direção geral de Rose Abdallah. Rose vive a protagonista, Laura. Na sala de seu antigo apartamento, ela recebe o diretor de merchandising Cavalcante (Ivan Vellame), e se recorda de traumas vividos na infância com o apresentador de um circo (Diogo Camargos). A peça foi contemplada pelo edital Retomada Cultural RJ, da Secec-RJ, por meio da Lei Emergencial Aldir Blanc. Em temporadas anteriores, esteve em cartaz em espaços prestigiados do Rio de Janeiro, como o Espaço Cultural Municipal Sérgio Porto e a Casa de Cultura Laura Alvim.

Por meio do edital, a equipe de "Follow me, baby" fará outras ações digitais, respeitando protocolos de distanciamento social e assegurando que o público tenha a experiência da peça no conforto e na segurança de casa. Duas sessões de bate-papo e um treinamento para atores serão oferecidos, totalmente online. 

Follow me, baby

Laura é uma atriz que vive uma dura fase de decadência em sua carreira. Em seu antigo apartamento, numa cidade ainda mais decadente que sua situação profissional, ela se vê afogada em lembranças. Finalmente, a boa sorte bate em sua porta: o diretor de merchandising de uma grande emissora lhe oferece um papel em uma novela.

Mas nem tudo é tão fácil: para conseguir a vaga, Laura precisaria participar de uma campanha publicitária nacional bastante inusitada. Em plena tarde de domingo, no horário de maior audiência, num programa de auditório. Amigos e parentes dariam depoimentos emocionados sobre a trajetória dela, enquanto ela está dentro de uma mala.

O que ninguém sabe é que esse pedido incomum traria à tona um severo trauma de infância. A atriz tinha trabalhado no circo e costumava entrar em malas quando era jovem. Por um motivo pessoal muito profundo, ela rejeita a oferta.


Serviço: Exibição da peça “Follow me, baby” - tragicomédia de Ivan Jaf, com direção de Rose Abdallah / Transmissão gratuita pelo canal da peça no YouTube / 19/3 (sexta), às 20h / Duração: 60 minutos.

Outros eventos da iniciativa

Bate-papo com o autor Ivan Jaf e a diretora Rose Abdallah / (Transmissão gratuita pelo canal da peça no YouTube) / 11/03 (quinta), às 20h.


Oficina de Interpretação: As possibilidades cênicas, com Diogo Camargos / (Pelo Zoom, inscrições gratuitas pelo e-mail  / 15/03 (segunda), às 20h.

Bate-papo em Live: A construção de “Follow me baby” - da ideia à realização do espetáculo / com Ivan Vellame (Gratuito, pelo Instagram @ivanvellame) / 16/03 (terça), às 18h30.