Gol retorna aos Estados Unidos a partir de Brasília em maio

Saídas para Orlando têm início no dia 13/05, e para Miami, em 17/05

Foto: Reuters/Paulo Whitaker
Credit...Foto: Reuters/Paulo Whitaker

A Gol, maior empresa aérea do Brasil, se prepara para a retomada de dois de seus principais destinos internacionais no próximo mês de maio: Orlando (MCO) e Miami (MIA), nos Estados Unidos. A partir de 13/05 e 17/05, respectivamente, as duas cidades da Flórida, gigantes do turismo e dos negócios e lar de milhares de brasileiros, voltam a receber os voos diretos da Gol a partir do aeroporto internacional de Brasília (BSB), um dos mais destacados hubs da companhia e ponto estratégico para oferecer comodidade e rapidez na conexão de clientes de diversos cantos do País, partindo de 37 destinos domésticos.

Desde novembro de 2018 a companhia contempla os dois destinos em sua malha aérea internacional, suspensa em março de 2020 em razão da pandemia e agora em franca retomada. Pela Gol, ambos os destinos vão receber em maio quatro saídas semanais de ida e volta a partir de Brasília. Os voos para Orlando (13/05) decolam às 9h50 da capital federal e aterrissam na Flórida às 17h10, às segundas, quartas, sextas e sábados, mesmos dias da volta, que se dá às 22h10, com pouso às 7h10 no Brasil. Para Miami (17/05), a partida acontece às 10h e a chegada na cidade americana, às 17h05, sempre às terças, quintas, sábados e domingos. Já o retorno, nos mesmos dias da semana, é às 21h30, com pouso às 6h20 em Brasília.

Orlando é a capital mundial dos parques temáticos; Miami é reconhecida pelas praias, compras, estilo de vida, arte, design e vida noturna. Cada qual com seus atrativos, estão entre as localidades que mais atraem brasileiros no exterior. Ambas as rotas serão operadas com a mais moderna aeronave da frota da GOL, o Boeing 737 MAX, que, em configuração internacional, tem capacidade para 176 passageiros.

“Orlando e Miami estão no topo dos destinos internacionais mais apreciados pelos brasileiros, e é com grande expectativa que a Gol retoma os voos para os Estados Unidos. Com a parceria estratégica da Gol com a American Airlines oferecemos aos clientes a melhor conectividade a partir do hub em Miami e na cidade de Orlando, com 28 destinos adicionais nos EUA”, ressalta Randall Saenz Aguero, diretor de Alianças, Internacional e Distribuição da Gol.

 

Macaque in the trees
Randall Saenz Aguero, diretor da Gol (Foto: reprodução)

 

Conexão no Brasil rumo aos Estados Unidos

Clientes da Gol de diversas partes do País têm conexão internacional feita em português e no Brasil, sem a necessidade de paradas em outros países.

Tradicionalmente, os voos diretos para os EUA partem de aeroportos na região Sudeste. A descentralização proporcionada pela Gol traz economia de tempo para os passageiros das regiões Centro-Oeste, Norte e Nordeste, uma vez que a conexão em Brasília é mais conveniente.

“Goiânia (GYN), Belém (BEL), Manaus (MAO), Recife (REC), Salvador (SSA), Belo Horizonte (CNF) e Fortaleza (FOR) estão entre as cidades favorecidas pelo embarque em Brasília com destino aos Estados Unidos, dada a geografia privilegiada da capital federal em localização central no Brasil. No caso das capitais do Norte e Nordeste, por exemplo, contando-se a ida e a volta a Miami com a Gol, cerca de 8 horas são poupadas na soma de todos os trajetos, em comparação com a viagem de um passageiro que sai dessas localidades, passa por aeroportos no Sudeste e segue para os EUA”, afirma Bruno Balan, gerente de Planejamento Estratégico de Malha Aérea da Gol.

Ganham destaque, ainda, os aeroportos de Congonhas (CGH), em São Paulo, e Santos Dumont (SDU), no Rio de Janeiro, como pontos iniciais da viagem. São aeroportos de fácil acesso pela localização central nas cidades em que se encontram e dispõem de expressiva oferta de voos da Gol para Brasília, permitindo conexões ágeis para os EUA.

Como são voos diurnos (decolam para Orlando às 9h50 e para Miami às 10h), clientes oriundos de diversas bases da Gol no País podem se beneficiar de um voo internacional concluído em um só dia, a contar do ponto de origem. Isto é, com tempo hábil para a conexão internacional em Brasília. Os horários favorecem, inclusive, o processo de check-in nos hotéis, já que a Companhia aterrissa nas duas cidades americanas por volta das 17h.

 

Gol Premium Economy

Os clientes que procuram mais conforto, mais milhas e desejam levar mais bagagens podem optar por voar na classe Gol Premium Economy, premiada em 2020 pelo Traveller´s Choice da Trip Advisor como melhor premium economy da América Latina e que oferece diversas vantagens exclusivas: assento do meio livre, proporcionando mais conforto e privacidade; maior acúmulo de milhas no programa Smiles, para o cliente viajar mais; bagagens gratuitas e prioritárias, com direito a levar duas malas de até 23 kg cada; compartimento exclusivo para bagagens de mão; e prioridade no check-in e no embarque - mais comodidade em todos os momentos da viagem.

A classe Premium Economy pode ser adquirida durante o processo de compra da passagem pelo site, aplicativo, site mobile, lojas, quiosques VoeGol, central de vendas, agências de viagem ou ainda durante o check-in, em caso de disponibilidade.



[Avião Gol] Desde novembro de 2018 a companhia contempla os dois destinos em sua malha aérea internacional, suspensa em março de 2020 em razão da pandemia
Randall Saenz Aguero, diretor da Gol


Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais