Instituto Amadurecer apresenta "um novo viver a maturidade"

Iniciativa busca impactar a vida das pessoas de forma pessoal, profissional e social

Foto: divulgação
Credit...Foto: divulgação

Homens e mulheres com idade superior aos 45 anos experimentam uma nova etapa da vida: o processo de amadurecimento. É habitual nesta fase os questionamentos sobre existência, carreira, caminhos e escolhas, devido, principalmente, à singularidade em poder unir experiência, sabedoria e maturidade física.

Atentos à importância do amadurecimento, do acolhimento social e na busca por desmistificar os conceitos ultrapassados sobre o envelhecimento, surge em Salvador o Instituto Amadurecer.

Pensando na necessidade de preparar as pessoas para viverem de forma saudável, ativa, autônoma e participativa a maturidade, o Instituto Amadurecer reconhece que o processo de amadurecimento, hoje, é diferente do vivenciado em décadas passadas, por isso valoriza a vida e a transformação humana, mostrando novos caminhos e descobertas que podem ser feitas após os 45 anos, destacando o quanto de belo e proveitoso pode existir na maturidade.

Por meio de produtos sociais, cursos online, workshops, vivências, mentorias e conteúdos exclusivos, o Instituto Amadurecer tem um compromisso em servir a sociedade, impactando a vida das pessoas de forma pessoal, profissional e social. “Uma das maiores conquistas de um povo em seu processo de evolução e humanização, é a escolha do amadurecimento consciente como ferramenta de desenvolvimento, isso reflete diretamente na vida do ser humano e da sociedade”, explica Rosangela Correia, 55, CEO e Fundadora do Instituto Amadurecer.

“Eu sempre penso o Instituto Amadurecer como uma empresa elevada, que transforma pessoas, que é valorosa pelo seu olhar atento e respeitoso às pessoas maduras e essa já é sua principal fonte de inspiração. Foi com esse propósito, que criamos também os produtos sociais, para abordar o consumo consciente e transformar/fomentar no individuo o “desejo de ser”, e não mais o de meramente “ ter”. O objetivo é sermos agentes de transformação social, e assim estamos construindo o Instituto Amadurecer para ser inspiração, deixar um legado e legado que, pelo modo de ver, não é o que podemos deixar para as pessoas, mas sim o que podemos deixar nas pessoas”, afirma Rosa Correia.