Jornal do Brasil

Segunda-feira, 23 de Julho de 2018 Fundado em 1891

País - Sociedade Aberta

O porto seguro do bom jornalismo

Jornal do Brasil Marcelo Crivella

Desde seu surgimento, o JORNAL DO BRASIL demonstra seu compromisso com o Rio de Janeiro e o país. Quando a República ainda engatinhava, defendeu a criação de um instituto para combater a febre amarela, quando a vacinação ainda era uma novidade científica, assim como a abertura de avenidas que melhorassem as condições de saneamento de nossa cidade. Da mesma forma, sempre esteve alinhado aos anseios dos que desejavam construir uma nação livre e soberana, mesmo nos momentos mais sombrios, quando a democracia foi sufocada pelo autoritarismo. 

Ao longo de sua história, prestes a completar 127 anos, o JB foi sempre pioneiro e inovador. Surpreendeu seus leitores ao ser o primeiro a exibir cores em suas páginas, a ter duas edições diárias e ao passar por uma transformação gráfica e editorial, nos anos 50 e 60 do século passado, que influenciou a imprensa do país. Mais recentemente, tornou-se o primeiro jornal a ter um site jornalístico. A trajetória do JB confunde-se com momentos importantes da minha vida. Aos 15 anos, fui à banca e comprei o JORNAL DO BRASIL onde, nos classificados, encontrei meu primeiro emprego. 

O JB foi a casa de pensadores e jornalistas que, com seus textos primorosos e informações valiosas, elevaram o debate sobre os grandes temas nacionais a um novo patamar. Nomes como Rui Barbosa, Alceu Amoroso Lima e Carlos Castelo Branco. A versão impressa do JB renasce no momento em que o país e a República travam uma luta contra a corrupção sem precedentes, em meio a um debate intenso sobre os rumos que, esperamos, nos levem à prosperidade, à distribuição de riquezas e ao bem comum.

 A história, a tradição e o comprometimento centenário do Jornal do Brasil com a democracia são essenciais nesta hora decisiva. A credibilidade do JORNAL DO BRASIL, sua busca incessante pela notícia isenta e bem apurada, é artigo valioso neste momento de notícias instantâneas, de fake news, de informações de origem desconhecida que confundem mais do que elucidam e, muitas vezes, servem a interesses sombrios. Por isso, a volta do Jornal Brasil em sua versão impressa é tão bem vinda, um porto seguro do bom jornalismo e do compromisso com a verdade.

*Prefeito do Rio de Janeiro



Tags: impresso, jb, jornal, retorno, volta

Compartilhe: