Jornal do Brasil

Domingo, 20 de Maio de 2018 Fundado em 1891

Rio

Guarda Municipal recebe doação de quatro filhotes da raça pastor alemão

Novos cães vão ajudar na renovação do plantel da instituição que passará a contar com 49 animais

Jornal do Brasil

O Grupamento de Cães da Guarda Municipal do Rio (GM-Rio) ganhou quatro novos cães da raça pastor alemão. Os filhotes Nick, Nero, Nestor e Nova Diana foram doados por um criador da Zona Norte da cidade e completaram três meses no dia 8 de janeiro e estão em fase de imunização. Após esse período, eles serão integrados à equipe, ajudando na renovação do plantel da grupamento, que está realizando processo de aposentadoria de seis cães da mesma raça.

Com os novos integrantes, a GM-Rio passará a contar com 49 animais, que são empregados em ações de patrulhamento e também em atividades lúdicas, como o Showdog, e na Cinoterapia (terapia com emprego de animais). Mas trabalho mesmo para essa nova turminha só após completarem um ano. Antes disso, eles passarão por treinamento e cuidados do veterinário e da equipe de guardas adestradores.

Guarda Municipal recebe doação de quatro filhotes da raça pastor alemão

Com os novos filhotes, a instituição passa a contar com 19 cães da raça pastor alemão, que foi a primeira a ser utilizada nas ações de patrulhamento realizadas pela Guarda na cidade. Além da popularidade impulsionada também por filmes como "K-9, um policial bom pra cachorro" de 1989, que ajuda na interação com a população, a ração pastor alemão é reconhecida e utilizada mundialmente entre as forças policiais e também nas mais diversas funções devido às qualidades, como equilíbrio de temperamento, lealdade, força e obediência.

A última "contratação" de novos integrantes aconteceu no ano passado, com sete cães da raça belga de malinois nascidos no Canil Maternidade da GM-Rio, elevando o número de cães da raça para 24 animais. Além de pastores alemães e belgas de malinois, que são excelentes cão para atuação em ações de patrulhamento, o plantel do Canil da GM-Rio também conta com dois cães da raça labrador, três da raça golden retriever e um fox paulistinha, empregados nas ações de interação com a população, como o Showdog e a Cinoterapia.

Dessa vez, o nome dos cães foi dado pela própria equipe da GM-Rio, pois a tradição da escolha pela população se dá somente com cães nascidos dentro da própria instituição. Mas a decisão em relação aos nomes seguiu a regra de sequencia do alfabeto e todos foram batizados com nomes iniciados pela letra "N". Cada ninhada que nasce na Guarda recebe uma letra do alfabeto. A tradição também serve para melhor controle e identificação das matilhas.



Tags: cachorro, cão, filhote, guarda, municipal

Compartilhe: