Jornal do Brasil

Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Rio

PR vai expulsar deputados que votaram a favor de Picciani

Jornal do Brasil

A Executiva Estadual do PR encaminhou à Justiça Eleitoral pedido de expulsão dos deputados estaduais Renato Cozzolino e Nivaldo Mulim, por terem votado na tarde desta sexta-feira (17) pela revogação da prisão do presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), Jorge Picciani (PMDB), e Paulo Melo e Alberto Albertassi, também deputados pelo PMDB.

O PR enviou à sua Comissão de Ética documento em que pede avaliação da conduta do deputado Bruno Dauaire, que se absteve na votação sobre a prisão dos parlamentares do PMDB.

Veja a nota:

"Diante do posicionamento contrário à orientação partidária, adotado pelos deputados estaduais Renato Cozzolino e Nivaldo Mulim, que votaram pela revogação da prisão de Jorge Picciani, Paulo Melo e Edson Albertassi, esta comissão encaminhará à Justiça Eleitoral a expulsão dos referidos parlamentares dos quadros do PR. Quanto ao deputado Bruno Dauaire, que se absteve, também contrariando a orientação da Executiva Estadual, porém não contribuindo para o placar favorável aos deputados presos, será encaminhado à Comissão de Ética para avaliar sua conduta."

>> Psol vai expulsar deputado que votou na Alerj pela soltura de Jorge Picciani

Tags: alerj, expulsão, partido, rio de janeiro, votação

Compartilhe: