Jornal do Brasil

Segunda-feira, 20 de Novembro de 2017

País

Aluno de escola em Goiânia faz disparos e mata dois estudantes em sala de aula

Jornal do Brasil

Um adolescente de 14 anos fez disparos dentro de sala de aula, do Colégio Goyases, em Goiânia, por volta das 11h50 desta sexta-feira (20), matando dois estudantes (João Vitor Gomes e João Pedro Calembo) e ferindo mais quatro adolescentes (Hyago Marques, Marcela Rocha Macedo e Isadora de Morais e mais um estudante). As mortes ocorreram no local, segundo a Polícia Militar.

Relatos de testemunhas dão conta de que o aluno, da 8ª série, sofria bullying na escola. A arma utilizada nos disparos, uma pistola .40, foi pega pelo jovem dentro de casa. Os pais do aluno pertencem à Polícia Militar.

As mortes foram confirmadas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O Corpo de Bombeiros deslocou cinco viaturas para o local para socorrer as vítimas. Um helicóptero do Grupo de Radiopatrulha Aérea (Graer), além de viaturas da Polícia Militar (PM) também foram acionados.

A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros foram acionados por uma mulher que fez a chamada por telefone e se identificou como professora da instituição, que fica no Conjunto Rivera.

O adolescente autor dos disparos foi levado à sede da Delegacia de Polícia de Apuração de Atos Infracionais (Depai) e, em seguida, encaminhado ao IML para exame de corpo de delito.

Bombeiros e polícia foram acionados por uma mulher que se identificou como professora da escola
Bombeiros e polícia foram acionados por uma mulher que se identificou como professora da escola

Tags: arma, brasil, disparo, escola, goiás, mortes

Compartilhe: