Jornal do Brasil

Quinta-feira, 27 de Agosto de 2015

País

Especialistas condenam venda de sutiã com bojo para crianças de 6 anos

Jornal do BrasilMaria Luisa de Melo

Nova febre entre as meninas de 6 anos de idade, os sutiãs infantis com bojo lançados pela Disney e vendidos pelas Lojas Pernambucanas estão sendo duramente criticados por especialistas ouvidos pelo Jornal do Brasil. Considerado mais uma arma da indústria para seduzir a criançada e garantir fortes lucros, os sutiãs são vistos, inclusive, como um vilão da infância, por antecipar a sexualidade na vida dos pequenos.

Para a psicóloga da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), Maria Luiza Bustamante, produtos deste tipo, com utilidade apenas para adultos, são altamente prejudiciais para a saúde mental das crianças.

"Onde já se viu um sutiã que imita o seio das mulheres adultas? Não há necessidade de crianças de 6 anos usarem sutiã, muito menos com bojo. Trata-se de mais uma tentativa da indústria de ganhar dinheiro a qualquer preço. Sem se importar com a saúde das crianças", critica a psicóloga.

Sutiã infantil da Disney imita volume dos seios de mulheres adultas
Sutiã infantil da Disney imita volume dos seios de mulheres adultas

Para ela, a Promotoria da Infância e da Juventude deveria tomar providências.

"Na faixa dos 6 anos de idade é comum as crianças terem consigo o narcisismo e até quererem se vestir como a mãe. O que não pode acontecer é o mercado incentivar a erotização e a antecipação da sexualidade", ressalta Bustamante.

Para a também psicóloga Luciana Vanzam, engana-se quem pensa que produtos como os sutiãs com bojo são lançados porque há procura das crianças por eles.

"O interesse inicial é do mercado, que faz todo o possível para que as crianças se interessem em ter sutiãs que imitam o de suas mães", alerta Luciana, antes de acrescentar: "O que está acontecendo é complicado, pois é perigoso sexualizar crianças de 6 anos de idade".

Tags: crianças, polêmica, sutiã

Compartilhe: