Jornal do Brasil

Domingo, 21 de Janeiro de 2018 Fundado em 1891

Internacional

China se prepara para receber refugiados norte-coreanos

Tensão na península teria motivado construção de campos

Agência ANSA

A China teria iniciado a construir campos para refugiados na fronteira com a Coreia do Norte para que os moradores do país vizinho possam encontrar abrigo - caso os conflitos na península coreana sejam agravados.

As informações, vazadas na internet, são da empresa de telecomunicações China Mobile. "Em decorrência da intensificação de tensões nos últimos tempos na fronteira entre China e Coreia do Norte, o governo do condado de Changbai planeja estabelecer cinco campos de refugiados lá", diz o documento.

Os locais designados para receber os norte-coreanos seriam três aldeias do distrito de Changbai e as cidades de Tumen e Hunchun, no nordeste do país. Elas esão localizadas a cerca de 100 quilômetros de Punggyeri, principal área de testes nucleares da Coreia do Norte.

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores, Lu Kang, declarou à imprensa que não tinha conhecimento do campo de refugiados, mas também não negou que eles existam. "Não vi relatórios à respeito", disse.

Tags: china, coreia do norte, lu kang, pyongyang, refugiados

Compartilhe: