Jornal do Brasil

Quinta-feira, 21 de Junho de 2018 Fundado em 1891

Internacional

Em seu primeiro discurso, Trump adota tom conciliador

Jornal do Brasil

O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, adotou um tom conciliatório em seu primeiro discurso, dirigido a integrantes do Partido Republicano em um salão de baile de Nova York, onde ele passou a noite acompanhando o resultado das eleições. Durante o tempo em que se dirigiu aos integrantes do partido, foi interrompido várias vezes com os aplausos do público.

Ele reservou também algumas palavras para elogiar a conduta de Hillary Clinton ao longo da campanha. Trump disse que sua adversária do Partido Democrata prestou muitos serviços ao país durante o período em que foi secretária de Estado, de 2009 a 2013, e também como senadora. Declarou ainda que os Estados Unidos têm uma "dívida de gratidão" com Hillary Clinton.

>> Donald Trump é eleito novo presidente dos Estados Unidos

Em seu primeiro discurso, Trump adota tom conciliador

Dirigindo-se a todos os americanos, Donald Trump afirmou que o momento atual é de união. "É hora de curarmos as feridas da divisão", disse.

Em seu discurso, reafirmou que pedirá união a todos os democratas e republicanos e que trabalhará pelos americanos "esquecidos". "Os homens e mulheres esquecidos não serão mais esquecidos", disse.

Ele disse que irá reconstruir a infraestrutura do país. Numa referência à criação de empregos, Trump disse: "Vamos colocar milhões para trabalhar enquanto reconstruímos [a infraestrutura]", disse. Segundo ele, os Estados Unidos vão "dobrar o crescimento e ter a economia mais forte do mundo".

Sobre a relação com outros países, Donald Trump disse que os Estados Unidos vão se relacionar com os países que estiverem dispostos a manter a reciprocidade. 

Trump classificou sua campanha como "um incrível e maravilhoso movimento, feito de milhões de homens e mulheres que amam seu país e querem um futuro melhor". Ele agradeceu a seus pais, irmãos, mulher e seus cinco filhos. Também agradeceu ao ex-prefeito de Nova York, Rudolph Giuliani; ao republicano Ben Carson, que abandonou a campanha presidencial; e ainda ao serviço secreto dos EUA e às forças de segurança de Nova York.

Veja a íntegra do discurso:

"Obrigado. Muito obrigado a todos. Desculpa pela demora. Negócio complicado, complicado. Muito obrigado.

Acabei de receber um telefonema da secretária [Hillary] Clinton. Ela nos cumprimentou. [Falou] sobre nós, sobre a nossa vitória, e eu a felicitei e a sua família pela campanha muito, muito dura.

Quero dizer, ela lutou muito. Hillary trabalhou muito e durante um longo período de tempo, e nós lhe devemos uma grande dívida de gratidão por seu serviço ao nosso país.

Digo isso sinceramente. Agora é hora de a América curar as feridas da divisão, de se unir. Para todos os republicanos e democratas e independentes em toda a nação, eu digo que é hora de nos reunirmos como um povo unido.

Está na hora. Eu prometo a cada cidadão de nossa terra que eu vou ser presidente para todos os americanos, e isso é tão importante para mim. Para aqueles que optaram por não me apoiar no passado, dos quais havia poucas pessoas, irei atrás de sua orientação e sua ajuda para que possamos trabalhar juntos e unificar nosso grande país. Como eu disse desde o início, o que fizemos não foi uma campanha, mas, sim, um movimento incrível e grande, composto por milhões de trabalhadores e mulheres que amam seu país e querem um futuro melhor e mais brilhante para si e para sua família.

É um movimento composto por americanos de todas as raças, religiões, origens e crenças, que querem e esperam que nosso governo sirva ao povo. E esse movimento servirá as pessoas.

Trabalhando juntos, vamos começar a tarefa urgente de reconstruir nossa nação e renovar o sonho americano. Eu passei toda a minha vida nos negócios, olhando para o potencial inexplorado de projetos e de pessoas de todo o mundo.

Agora, é isso que eu quero fazer com o nosso país. [Tem um] tremendo potencial. Eu conheci nosso país tão bem. Tremendo potencial. Vai ser uma coisa linda. Cada americano terá a oportunidade de realizar seu potencial máximo. Os homens e as mulheres esquecidos de nosso país não serão mais esquecidos.

Vamos consertar nossas cidades e reconstruir nossas estradas, pontes, túneis, aeroportos, escolas, hospitais. Vamos reconstruir a nossa infraestrutura, que se tornará, por sinal, inigualável, e vamos colocar milhões de pessoas para trabalhar enquanto a reconstruímos.

Nós também vamos finalmente cuidar de nossos grandes veteranos, que foram tão leais, e eu conheci muitos durante esta viagem de 18 meses. O tempo que passei com eles durante esta campanha foi uma das minhas maiores honras. Nossos veteranos são pessoas incríveis.

Iniciamos um projeto de crescimento e renovação nacional. Aproveitarei os talentos criativos de nosso povo. Convidaremos os melhores e mais brilhantes a alavancar seu tremendo talento para o benefício de todos. Isso vai acontecer. Temos um grande plano econômico. Vamos dobrar nosso crescimento e ter a economia mais forte em qualquer lugar do mundo. Ao mesmo tempo, vamos nos relacionar com todas as outras nações dispostas a nos dar bem. Teremos grandes relacionamentos. Esperamos ter grandes, ótimos relacionamentos. Nenhum sonho é muito grande, nenhum desafio é muito grande. Nada do que queremos para o nosso futuro está além do nosso alcance.

A América já não se contentará com nada menos do que o melhor. Devemos recuperar o destino do nosso país e sonhar grande, de forma corajosa e ousada. Temos que fazer isso. Vamos sonhar com coisas para o nosso país, coisas bonitas e coisas bem-sucedidas, mais uma vez.

Quero dizer à comunidade mundial que, embora sempre ponhamos os interesses dos Estados Unidos em primeiro lugar, vamos lidar justamente com todos, com todos. Todas as pessoas e todas as outras nações. Buscaremos terreno comum, não hostilidade. Uma parceria, não um conflito. E agora eu gostaria de aproveitar este momento para agradecer a algumas das pessoas que realmente me ajudaram com isso. Eles estão chamando esta noite de uma vitória muito, muito histórica.

Primeiro, quero agradecer aos meus pais, que eu sei que estão olhando para mim agora. Ótimas pessoas. Aprendi muito com eles. Eles foram maravilhoso em todos os aspectos. Verdadeiramente ótimos pais. Também quero agradecer às minhas irmãs, Marianne e Elizabeth, que estão aqui conosco esta noite. Onde elas estão? Elas estão aqui em algum lugar. Elas são muito tímidos, na verdade.

E meu irmão Robert, meu grande amigo. Onde está Robert? Onde está Robert? E eles deveriam estar neste palco, mas tudo bem. Eles são ótimos. E também meu falecido irmão Fred, ótimo cara. Fantástico. Família fantástica. Eu tive muita sorte. Grandes irmãos, irmãs, grandes pais inacreditáveis.

Para Melania e Don e Ivanka e Eric e Tiffany e Barron, eu amo vocês e agradeço vocês especialmente por aguentar todas essas horas. Foi difícil.

Foi difícil. Política é desagradável e é dura. Então eu quero agradecer muito minha família. Realmente fantástico. Obrigado a todos. Obrigado a todos. Lara, trabalho inacreditável. Inacreditável. Vanessa, obrigado. Muito obrigado. Que grupo ótimo.

Todos vocês me deram um apoio tão incrível, e vou dizer que temos um grande grupo de pessoas. Você sabe, eles continuaram dizendo que temos uma equipe pequena. Não é tão pequena. Olhe para todas as pessoas que temos. Olhe para todas essas pessoas.

E Kellyanne e Chris e Rudy e Steve e David. Temos gente tremendamente talentosa aqui em cima, e quero dizer que tem sido muito, muito especial.

Quero agradecer muito ao nosso ex-prefeito, Rudy Giuliani. Ele é inacreditável. Inacreditável. Ele viajou conosco e passou por reuniões, e Rudy nunca muda. Onde está Rudy. Onde ele está?

O governador Chris Christie, pessoal, foi inacreditável. Obrigado, Chris. O primeiro homem, primeiro senador, primeiro major, político importante - deixe-me dizer, ele é altamente respeitado em Washington porque ele é tão esperto quanto é possível ser. Senador Jeff Sessions. Onde está Jeff? Um grande homem. Outro grande homem, concorrente muito difícil. Ele não era fácil. Ele não era fácil. Que é aquele? É o prefeito que apareceu? É o Rudy?

Aqui em cima. Realmente um amigo para mim, mas vou te dizer, eu comecei a conhecê-lo como um concorrente, porque ele era uma das pessoas que estava negociando para ir contra os democratas. Dr. Ben Carson. Onde esteve? Onde está Ben? A propósito, Mike Huckabee está aqui em algum lugar, e ele é fantástico. Mike e Sarah, muito obrigado. General Mike Flynn. Onde está Mike? E o general Kellogg. Temos mais de 200 generais e almirantes que endossaram a nossa campanha. Existem pessoas especiais.

Nós temos 22 pessoas da Medalha de Honra do Congresso. Uma pessoa muito especial que, acreditem, eu li relatos de que eu não estava me dando bem com ele. Eu nunca tive um segundo ruim com ele. Ele é uma estrela inacreditável. Ele está - isso mesmo, como você adivinhou? Deixe-me falar sobre Reince. Eu disse Reince. Eu sei isso. Eu sei isso. Olhe para todas aquelas pessoas ali. Eu sei, Reince é um superstar. Eu disse, eles não podem te chamar um superstar, Reince, a menos que ganharmos. Como a Secretaria. Ele não teria esse busto na pista em Belmont.

Reince é realmente uma estrela e ele é o cara mais trabalhador, e de certa forma eu fiz isso. Reince, venha aqui. Venha aqui, Reince.

Rapaz. Já era hora de você fazer isso direito. Meu Deus. Venha aqui. Diga algo.

[Reince Priebus: Senhoras e senhores, o próximo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump! Obrigado. Foi uma honra. Deus abençoe. Graças a Deus.]

Cara incrível. Nossa parceria com o RNC foi tão importante para o sucesso e o que fizemos, então eu também tenho que dizer, eu conheci algumas pessoas incríveis.

As pessoas do Serviço Secreto. Eles são duros e eles são inteligentes e eles são afiados e eu não quero mexer com eles, te digo isso. E quando eu quero ir e acenar para um grande grupo de pessoas, eles me puxam para baixo e me colocam de volta no assento, mas eles são pessoas fantásticas, então eu quero agradecer ao Serviço Secreto.

E policiais de Nova York, eles estão aqui esta noite. Estas são pessoas espectaculares, as vezes não apreciados infelizmente. Nós os apreciamos.

Então este é um evento histórico, mas para sermos realmente históricos, temos que fazer um ótimo trabalho, e eu prometo a vocês que eu não vou decepcioná-los. Faremos um ótimo trabalho. Faremos um ótimo trabalho. Estou muito ansioso para ser seu presidente e espero que, no final de dois anos ou três anos ou quatro anos ou talvez até oito anos, vocês vão dizer que muitos de vocês trabalharam tão duro para nós. Vocês vão dizer que era algo que vocês estavam realmente muito orgulhosos de fazer. Muito obrigado.

E só posso dizer que, mesmo que a campanha tenha acabado, nosso trabalho neste movimento está apenas começando. Nós vamos começar a trabalhar imediatamente para o povo americano, e vamos fazer um trabalho que esperamos que vai orgulhar vocês. Vocêa ficarão tão orgulhosos. Mais uma vez, é minha honra.

É uma noite incrível. Foi um incrível período de dois anos, e eu amo este país. Obrigado.

Muito obrigado. Obrigado a Mike Pence."

Com Agência Brasil



Tags: donald, eleição, estados, presidente, trump, unidos, vitória

Compartilhe: