Jornal do Brasil

Segunda-feira, 20 de Agosto de 2018 Fundado em 1891
Informe JB

Informe JB

Jan Theophilo


SOS Baía de Guanabara

Jornal do Brasil

O Rio corre o risco de assistir a um desastre ambiental superior até à tragédia de Mariana (MG), onde barragens de rejeitos romperam despejando um mar de lama tóxica no rio Doce. A ONG Baía Viva, formada por atletas, ambientalistas, pescadores e moradores do entorno da Baía de Guanabara, denunciou ao Ministério Público Federal que a CSN ergueu uma montanha de lixo químico de escória, um resíduo granulado da produção de aço da siderúrgica, que cresceu tanto que já está a menos de 50 metros das águas do Rio Paraíba do Sul. O morro de pó de aço se espalha por um terreno de 274 mil metros quadrados e já tem trechos de até 20 metros de altura. De acordo com a denúncia não há nenhuma contenção dessa pilha de lixo e os caminhões da CSN continuam jogando mais e mais escória por lá. A ONG exige a interdição imediata da montanha, além de um plano emergencial de prevenção que garanta efetivamente o abastecimento para as cidades do Vale do Paraíba e Baixada que dependem desse rio ameaçado. Com a palavra, o MP.

Tucanos em festa 

Rodrigo Maia confidenciou neste fim de semana que até sexta-feira deverá estar consumada a aliança DEM-PSDB.  Com isso, a implicação imediata é o PSDB do Rio abraçar a campanha de Eduardo Cabral, perdão, Paes como parte do acordo nacional em torno de Geraldo Alckmin.

Nem tudo são flores 

Mas a confusão maior esta semana continuará relacionada a participação ou não do (P) MDB na aliança em torno de Eduardo Cabral, perdão, Paes. As direções do PDT, do PV e do PPS condicionaram qualquer apoio à não participação do (P) MDB no chapão do ex-alcaide.

Oficina de reparos 

Como já dizia Dalva de Oliveira: “Errei sim, manchei teu nome”. Paulo Roberto de Almeida é diretor do Instituto de Pesquisa de Relações Internacionais do Itamaraty, e não mais secretário-geral, cargo que já ocupou, como saiu publicado equivocadamente pela coluna.

Comandante Rolim 

A falta de respeito da TAM com seus passageiros ficou evidente, mais uma vez, ontem, durante a confusão que tomou conta do Santos Dummont ontem, após mais um nevoeiro. Apesar de ter cancelados todos os seus voos da manhã, a voadora abriu apenas um guichê para remarcação das passagens. As filas duraram, em média, cinco horas.

Por outro lado 

A Gol teve o mesmíssimo problema e resolveu rapidamente. Abriu quatro guichês para atendimento dos passageiros e em menos de uma hora a situação estava sob controle.

Branca, Branca, Branca 

O Bispo Crivella pode ter obtido uma primeira vitória na Câmara, mas a oposição também teve o que comemorar. A bancada quase dobrou. Eram 13 e agora formam uma combativa tropa de 20 parlamentares.

A voz rouca das ruas

Pré-candidato do PDT ao governo, o deputado Pedro Fernandes, filho da vereadora Rosa Fernandes, hoje na oposição a Crivella, previa ontem dias difíceis para o Bispo. “A tática agora é forçar a barra e apresentar novos pedidos de CPI”, dizia Pedro. “Os vereadores não vão conseguir segurar a pressão popular durante a campanha. A repercussão está pesada nas ruas”.

_________

LANCE LIVRE

O desembargador Reis Friede fará palestra no próximo dia 18 sobre “A crise Norte-coreana e a Ameaça Nuclear Pós-Guerra Fria”, no Centro Cultural da Justiça Federal, na Cinelândia. A advogada Leonora Oliven fala sobre famílias plurais no 56° Congresso Internacional de Americanistas, dia 18, em Salamanca. Guilia Ramos lança amanhã o livro “Miolo”, a partir das 19h, no Bracarense. 



Tags: coluna, colunista, impresso, informe, jb, segunda

Compartilhe: