Jornal do Brasil

Quinta-feira, 19 de Abril de 2018 Fundado em 1891

Esportes

CBF revela camisa do Brasil com amarelo 'vibrante' inspirado na Copa de 1970

Jornal do Brasil

A CBF revelou nesta quarta-feira as novas camisas que a seleção brasileira usará na Copa do Mundo de 2018. Por meio de seu site oficial, a entidade trouxe a público os modelos e disse que os uniformes foram inspirados na participação do Brasil nos Mundiais de 1958 e 1970, quando o time nacional conquistou o seu primeiro e o seu terceiro título da competição, respectivamente

O principal destaque é a adoção do amarelo em um tom bastante vivo no uniforme número 1, assim como aconteceu na Copa de 1970. "Na Amarelinha, o primeiro uniforme da Seleção, o tom da cor que mais representa o sucesso nos gramados foi batizado de Ouro Samba (Samba Gold). É o mais vibrante das últimas duas décadas. Essa nuance vem dos meados de 1970, época do Tricampeonato Mundial. Na parte de trás da nuca, uma faixa vertical na gola traz, depois de 50 anos, o azul de volta à camisa principal", escreveu a CBF na nota que publicou nesta manhã.

Principal destaque é a adoção do amarelo em um tom bastante vivo no uniforme número 1

A entidade também enfatizou que "o legado de habilidade, técnica e ousadia eternizado pela seleção brasileira nos títulos mundiais de 1958 (Suécia) e 1970 (México) está sendo homenageado nas cores vivas desta coleção".

"Comparamos todos os tons de amarelo à cor exata usada em 70. Aquele foi o primeiro torneio mundial transmitido a cores pela televisão. O amarelo vivo e brilhante dos brasileiros era uma representação visual do modo de jogar daquela equipe. Aquele foi um dos momentos mais importantes da história do futebol e trouxemos essa mesma energia para a coleção 2018 da seleção brasileira", afirmou o diretor sênior de design para vestuário da Nike Futebol, Pete Hoppins.

A ação promocional que fez para divulgar as novas camisas da seleção contou com Neymar, Philippe Coutinho, Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva e Paulinho como modelos. O uniforme tem uma discreta gola em V e, na parte de trás da nuca, contém uma faixa vertical e uma pequena listra em azul dentro dela, sendo que esta cor não era utiliza na camisa principal há 50 anos.

Este uniforme traz em seu conjunto o calção azul e o meião branco, com uma listra verde e amarela na parte central. Já a vestimenta número 2 da seleção ganhou a cor azul celestial e tem marca d’água, em estampa de mosaico, formada por estrelas que partem do escudo. 

"Relembra dois importantes fatos marcados na história do nosso futebol: o Mundial da Suécia (1958), primeira vez em que o azul foi adotado, oficialmente, como a segunda cor da Seleção; e a primeira estrela a ser fincada no peito, uma honra oferecida apenas aos campeões do mundo. Os números, como na época da competição, voltam a ter a cor amarela. Calção branco e meias azuis completam o uniforme", destacou a CBF.

Os dois uniformes desta nova coleção também trazem como novidade, na sua parte interna, o globo da bandeira do Brasil rodeado por linhas radiais, assim como exibe em torno dele a frase "Você é a Seleção".

A CBF ainda informou que tipologia usada nas camisas foi criada sob medida com inspiração nas letras que estampavam nas vestimentas de treino da seleção brasileira nas décadas de 1950 e 1960. "O Brasil adotou um esporte de outro continente e o abraçou de forma tão completa e incondicional que acabou tomando como seu. O futebol é tão inseparável da vida dos brasileiros quanto o idioma ou o próprio território. E queremos celebrar e amplificar essa vibrante cultura do futebol no Brasil por meio da coleção da seleção brasileira para 2018. Desde as camisas de jogo, às peças de treino e aos produtos casuais, criamos uma linha verdadeiramente inspirada na energia e ritmo do Brasil e acreditamos que os jogadores e fãs vão adorar", afirmou o diretor sênior de marketing da Nike do Brasil, Daniel Paz, ao comentar sobre os novos uniformes do time nacional.

ESTREIA CONTRA A RÚSSIA 

Lançado principalmente para a Copa, o novo uniforme azul será estreado pela seleção brasileira na próxima sexta-feira, no amistoso contra a Rússia, em Moscou. Já no próximo dia 27, contra a Alemanha, em Berlim, o time nacional usará pela primeira vez em uma partida a sua nova camisa principal.

Por meio da nota oficial que divulgou nesta quarta, a CBF também informou que os novos uniformes estarão disponíveis para compra online na maior loja da Nike, a nike.com, a partir de sexta-feira, e chega às lojas físicas no dia 26. A camisa principal será comercializada em três versões: uma idêntica à dos jogadores, uma batizada de modelo estádio e uma outra para torcedores.

"A seleção brasileira e sua torcida de 200 milhões são Gigantes por Natureza. As novas camisas simbolizam, acima de tudo, o maior símbolo de conexão entre o time e o torcedor. O resgate de 58 e 70 nos uniformes remete à história de uma equipe vitoriosa e reafirma o DNA brasileiro com o futebol. A coleção 2018 estará disponível no site www.nike.com no dia 23 de Março e estará nas lojas de todo o país no próximo dia 26", enfatizou o diretor de marketing da CBF, Gilberto Ratto.

EVENTO EM SÃO PAULO 

A CBF ainda informou nesta quarta-feira que, em celebração ao lançamento da nova coleção da seleção brasileira, a Nike promoverá o Dia da Brasileiragem, um evento aberto ao público na Avenida Paulista, em São Paulo, no próximo domingo, das 10h às 17h. "A ativação tem como objetivo contar histórias de inspiração do futebol brasileiro por meio do esporte, da música e das conexões culturais. O ponto de encontro para todas as atividades será numa estrutura da Nike montada em frente ao Shopping Cidade São Paulo", avisou a entidade.

Este termo Brasileiragem, de acordo com a CBF, foi adotado para promover as novas camisas da seleção com inspiração no fato de que "a combinação de duas palavras consegue decifrar esse manifesto ao futebol jogado como arte nas ruas e campinhos de pelada: Brasil + Boleiragem = Brasileiragem".

Fonte: Estadão Conteúdo



Tags: coleção, copa, cor, história, seleção, uniforme

Compartilhe: