Jornal do Brasil

Quinta-feira, 31 de Julho de 2014

Esportes

Com ataque decisivo, Corinthians vence San Jose e garante 1º lugar

Portal TerraAllan Farina

São Paulo (SP) - Em uma partida em que teve o controle durante os 90 minutos, o Corinthians derrotou o San Jose por 3 a 0, nesta quarta-feira, no Pacaembu, e garantiu a primeira colocação do Grupo 5 da Copa Libertadores. Romarinho abriu o placar aos 25min do primeiro tempo, Guerrero ampliou aos 15min do segundo e Edenílson fechou o placar nos acréscimos. Emerson deu duas assistências e ainda iniciou a jogada do terceiro. 

Com o resultado, o atual campeão da competição encerra em alta uma fase de grupos conturbada. O Corinthians estreou com empate diante do próprio San Jose em duelo marcado pela morte do jovem boliviano Kevin Espada. Na sequência, encerrou o primeiro turno com derrota no México para o Tijuana e viu sua vaga nas oitavas de final ameaçada.

?Porém, com a vitória desta quarta, o time comandado por Tite completou sua reação com a terceira vitória seguida e uma boa condição na classificação geral da Libertadores. Com 13 pontos, o Corinthians já garantiu a vantagem de decidir as oitavas em casa e pode encerrar a fase de grupos até com a 2ª melhor campanha – Atlético-MG já garantiu o melhor histórico e o gol de Edenílson fez o Corinthians ultrapassar o Vélez Sarsfield. O próximo adversário corintiano será definido apena na próxima semana.

Nesta quarta, o Corinthians controlou bem o peso por reencontrar o time que marcou a sua participação até aqui na Libertadores por um motivo trágico. Antes do jogo, uma manifestação de torcedores pediu a liberação dos 12 corintianos presos em Oruro acusados de participação no disparo do sinalizador que matou o jovem Kevin. Mas dentro de campo, a equipe não se abalou pelo clima e, se não foi brilhante, manteve a eficiência que tem marcado a Era Tite.

Com Emerson, Guerrero e Romarinho escalados para acuar os bolivianos, o Corinthians criou as melhores chances e levou poucos sustos. Emerson correspondeu à preferência de Tite por seu futebol em relação ao de Pato com duas assistências. Na primeira, cruzou falta na cabeça de Romarinho. Na segunda, complementou jogada individual pela esquerda com um passe no peito de Guerrero, que dominou e chutou forte, de forma certeira. Pato entrou no segundo tempo no lugar de Danilo e chutou uma bola na trave, além de dar passe para o gol de Edenílson.

Com a vida na Libertadores garantida e um respiro de três semanas até as oitavas de final, o Corinthians se concentra no Campeonato Paulista. Na quinta colocação até o momento, o clube tenta um sprint na primeira fase contra o Linense, no próximo domingo em Lins, e diante do Atlético Sorocaba, no dia 21 de abril no Pacaembu.

Tijuana avança em segundo

Com a vaga já garantida, o Tijuana venceu o Millonarios no México por 1 a 0, gol de Tenorio nos acréscimos do segundo tempo, e tem grandes possibilidade de fechar a fase de grupos como melhor segundo colocado. Com 13 pontos, o time mexicano perdeu o número um da chave para o Corinthians por seu menor saldo de gols (8 a 4).

GOLS

1 x 0 - 25min do primeiro tempo - Após cobrança de falta de Emerson, Romarinho se antecipou à zaga e, sozinho, cabeceou firme para o gol

2 x 0- 15min do segundo tempo - Emerson acertou jogada individual pela esquerda e cruzou na marca do pênalti. Guerrero matou a bola no peito e chutou para o chão, sem chances para o goleiro boliviano.

3 x 0 - 47min do segundo tempo - Pato recebeu passe de letra de Emerson e serviu Edenílson na área. O camisa 21 tocou por baixo de Lampé.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 3 X 0 SAN JOSÉ

Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)

Horário: 22h (de Brasília)

Data: 10 de abril de 2013 (quarta-feira)

Árbitro: Mauro Vigliano (ARG)

Assistentes: Ernesto Uziga (ARG) e Julio J. Fernández (ARG)

Público: 32.408 pagantes

Renda: R$ 2.245.637,50

Cartões amarelos: Luis Torrico, García e Carrizo (San José) 

Cartão vermelho: Tordoya (San José)

CORINTHIANS: Julio Cesar; Alessandro, Gil, Paulo André e Fábio Santos; Ralf e Paulinho (Edenílson); Romarinho, Emerson e Danilo (Alexandre Pato); Guerrero (Jorge Henrique). Técnico: Tite

SAN JOSÉ: Lampe; Burton, Tordoya, Luis Torrico e García; Didí Torrico, Sejas, Padilla e Reyes (Saucedo); Marcelo (Carrizo) e Flores. Técnico: Marcos Ferrufino

Tags: Disputa, jogo, libertadores, timão, Vitoria

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.