Jornal do Brasil

Domingo, 19 de Agosto de 2018 Fundado em 1891

País - Eleições 2018

Presidenciáveis criticam Bolsonaro após o pré-candidato ensinar criança a imitar arma com as mãos

Jornal do Brasil

Em sua passagem por Goiânia na última quinta-feira (19), o pré-candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro (PSL) segurou uma criança no colo e ensinou a menina a fazer o gesto de uma arma com as mãos.   

As imagens causaram polêmica nas redes sociais, inclusive entre outros pré-candidatos ao Palácio do Planalto.

O pré-candidato foi recepcionado por aliados e fez discurso ao chegar ao aeroporto Santa Genoveva, em Goiânia. No discurso, Bolsonaro disse que se for eleito vai derrubar barreiras que impedem a população de se armar. “Vamos fortalecer a nossa liberdade, vamos conseguir porte de arma de fogo para vocês”.

Alguns presidenciáveis usaram as redes sociais para criticar a postura de Bolsonaro.  Marina Silva, da Rede, utilizou sua conta no Facebook para dizer que "como mãe e professora, fiquei estarrecida ao ver um candidato ensinar uma criança a fazer gesto de revólver com as mãos."

Assessoria de imprensa de Jair Bolsonaro não respondeu sobre o caso

Já  Manuela D'Ávila (PCdoB) também pré-candidata chamou Bolsonaro de "inominável" na publicação em que critica a atitude do deputado. 

No Facebook, o pré-candidato à Presidência Guilherme Boulos (PSOL) afirmou que "a arma que defendemos para nossas crianças é uma boa educação!". Ele acrescentou que Jair Bolsonaro é "inimigo do Brasil". A assessoria de imprensa de Jair Bolsonaro não respondeu a reportagem sobre o caso. 

***Com Estadão



Tags: bolsonaro, eleições 2018, gesto, polêmica, política, pré-candidato

Compartilhe: