Jornal do Brasil

Quinta-feira, 19 de Abril de 2018 Fundado em 1891

Economia

Petróleo fecha em alta devido a tensões políticas

Jornal do Brasil

O petróleo teve alta nesta terça-feira (20), em meio a ameaças de tensões geopolíticas que poderiam perturbar a oferta mundial. 

O barril de Brent do Mar do Norte para maio fechou a 67,42 dólares no mercado de Londres, após ganhar 1,37 dólar.

Em Nova York, o barril de "light sweet crude" (WTI) para abril, em seu último dia de transação para este mês, avançou 1,34 dólar a US$ 63,40.

Às 16H10 GMT (13H10), os preços chegaram ao seu melhor nível em três semanas. O Brent era vendido a 67,88 dólares e o WTI a US$ 63,81. 

"O aumento das tensões entre Arábia Saudita e Irã e a ameça de sanções dos Estados Unidos à Venezuela" sustentam o preço do barril, disse Tamas Varga, analista da PVM.

O príncipe herdeiro da Arábia Saudita está em Washington, onde chegou para se reunir com o presidente Donald Trump, após ter comparado o líder supremo dos xiitas do Irã, Ali Khamwenei, com Adolf Hitler.

"Certamente, se somarão comentários agressivos contra o Irã durante a visita do príncipe", disse Olivier Jakob, analista da Petromatrix.

Trump ainda adotou nesta segunda-feira novas sanções contra a Venezuela, um dos principais fornecedores de petróleo dos Estados Unidos. 

"Dado o tom agressivo que a Casa Branca adotou recentemente, as exportações venezuelanas poderiam ser afetadas", disse Jakob.

Agência AFP


Tags: arábia saudita, casa branca, energia, eua, petróleo, wti

Compartilhe: