Jornal do Brasil

Terça-feira, 30 de Maio de 2017

Economia

Petróleo sobe em um mercado estimulado pela reunião da Opep

Jornal do Brasil

O petróleo subiu, nesta sexta-feira (19), em um mercado estimulado pela reunião da semana que vem da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) para discutir a extensão do atual sistema de cotas. 

No mercado de Nova York, o barril de "light sweet crude" (WTI) ganhou 98 centavos, a US$ 50,33. Em Londres, o barril de Brent para entrega em julho subiu US$ 1,10, a US$ 53,61.

No início desta semana, Arábia Saudita e Rússia concordaram em aumentar o prazo em nove meses, até março de 2018. Os outros participantes do pacto, contudo, devem assumir posição na reunião do dia 25 de maio, na próxima quinta-feira.

Às 10h05, o barril de Brent para julho negociado na International Exchange Futures (ICE), em Londres, tinha queda de 1,33%, a US$ 53,21. Já o barril de WTI para entrega em junho, negociado no New York Mercantile Exchange (Nymex), em Nova York, registrava valorização de 1,28%, a US$ 49,98.

No início deste mês, o crude norte-americano chegou a mínimas de cinco meses, entre preocupações com o constante aumento dos estoques dos Estados Unidos, que colocaram dúvidas sobre a capacidade do acordo da Opep de gerar resultados. 

Os barris de petróleo, que custavam em torno dos US$ 100 até o final de 2014, chegaram abaixo de US$ 30 no ano passado, devido ao excesso de oferta global. 

Tags: alta, barris, Opep, Petróleo, preço

Compartilhe: