Jornal do Brasil

Sábado, 21 de Julho de 2018 Fundado em 1891

Cultura

Brasil fica fora da disputa pelo Oscar 2018

'Bingo' não passou por escolha da academia

Jornal do Brasil

O filme brasileiro "Bingo: O Rei das Manhãs", dirigido por Daniel Rezende, ficou de fora da disputa pelo prêmio de "Melhor Filme Estrangeiro" no Oscar de 2018. "Bingo" é inspirado na vida de Arlindo Barreto, que interpretou por anos o palhaço Bozo no Brasil.

Nesta sexta-feira (15), a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas anunciou os nove filmes que ainda continuam na disputa, em lista que ainda será reduzida para os cinco concorrentes finais no dia 23 de janeiro.

Para a Academia, seguem na disputa o chileno "A Fantastic Woman", "On Body and Soul", da Hungria, "Foxtrot", de Israel, "The Insult", do Líbano, "Loveless", da Rússia, "Felicité", do Senegal, "The Wound", da África do Sul, e "The Square", da Suécia.

Bingo ficou fora da disputa pelo Oscar

Também ficou de fora da disputa o filme da atriz e diretora Angelina Jolie, "First They Killed My Father", que estava concorrendo a estatueta pelo Camboja.

O filme italiano "A Ciambra", do diretor Jonas Carpignano, também ficou fora da disputa. O longa  foi lançado em maio de 2016 e teve um bom sucesso de público na Itália. Ele conta a história de um jovem de 14 anos, que mora na comunidade de ciganos A Ciambra, em Gioia Tauro, e que precisa assumir a responsabilidade de cuidar da família com o sumiço do irmão mais velho, Cosimo.



Tags: a ciambra, bingo, brasil, eua, itália, oscar

Compartilhe: