Jornal do Brasil

Sábado, 21 de Outubro de 2017

Cultura

Príncipe William debate legalização das drogas

Príncipe visitou clínica em Londres e conversou com pacientes

Agência ANSA

Durante uma visita ao centro de dependentes químicos Spitalfields Crypt Trust, em Londres, o príncipe William participou de um debate polêmico: a legalização das drogas. Segundo o jornal inglês "The Guardian", o príncipe, porém, não deu sua opinião nem se posicionou contrário ou a favor da legalização.

O tema é um tabu no mundo. No Reino Unido, apesar do apelo de diversas ONGs, a cannabis não é liberada para uso medicinal. Na conversa, William questionou três pessoas que estão internadas no centro e quis saber se elas eram a favor da legalização.

"Posso fazer uma pergunta? Obviamente existe muita pressão sobre a legalização das drogas e essas coisas, mas quais são suas opiniões pessoais sobre isso?", questionou.

O interno Heather Blackburn respondeu que a legalização seria uma boa ideia, já que muita verba é gasta no combate ao tráfico.

Grace Gunn, de apenas 19 anos, está se recuperando do alcoolismo na clínica e foi outra que participou do bate papo com o príncipe William. Ela defendeu que o tema deverá ser resolvido em um processo de longo prazo.

Por último, o australiano Jason Malham, de 45 anos, que está na clínica se recuperando do vício de heroína, contou ser contrário à legalização das drogas.

Ao fim da conversa, William agradeceu a atenção e a honestidade dos três e comentou ter recebido análises "muito úteis" em relação ao tema. "Conversar com vocês e estar aqui me fez sentir que era uma coisa que eu precisava fazer, agradeço a honestidade. Talvez nos vejamos muito antes do que você espera", concluiu.

Tags: agencia, ansa, família, internacional, real

Compartilhe: