Jornal do Brasil

Terça-feira, 24 de Abril de 2018 Fundado em 1891

Cultura

Festival Varilux presta tributo a Sandrine Bonnaire com mostra

Jornal do Brasil Carol Almeida

Homenageada este ano na nova edição do Festival Varilux, que agora vai contemplar 22 cidades do Brasil, a atriz Sandrine Bonnaire está no País para prestigiar a mostra que, para prestar tributo a essa musa do cinema francês, exibe oito filmes com a atriz (sendo um deles dirigido por ela). Sobre essa seleção, Bonnaire disse que "é interessante ver a jovem atriz instintiva no começo de carreira, algo que com o tempo e maturidade vai evoluindo. Ainda que o instinto, acredito, seja essencial para o trabalho de ator."

Em conversa com a imprensa na tarde desta quarta-feira (8), a atriz afirmou amar o Brasil - "de verdade", ressaltou - e que ao longo de sua carreira foi "muito mimada por vários diretores". Gente como Maurice Pialat, Agnès Varda e Claude Chabrol, cineastas, respectivamente, de A Nossos Amores(1983), Sem Teto nem Lei (1985) eMulheres Diabólicas (1995), todos presentes na mostra.

Com mais de 40 filmes na bagagem, a atriz diz que o exercício de atuação lhe ensinou sobretudo a ser uma melhor observadora. "Essa é uma profissão que me tornou uma pessoa mais calma, aprendi a observar melhor com ela."

Sandrine Bonnaire durante coletiva em São Paulo

E ainda sobre esse trabalho de mirar os outros, aproveitou a oportunidade para falar sobre seu segundo filme como diretora, J'enrage de son Absence, que deve ficar pronto somente em 2012. O filme, que traz William Hurt no elenco, é uma homenagem à sua mãe, ou melhor, ao primeiro amor da vida da mãe da atriz. "Ele poderia ter sido meu pai, mas não foi".

A história será centrada na relação entre esse homem, aqui uma criação fictícia dessa projeção que Bonnaire fez do mendigo que se tornou a primeira paixão de sua mãe, e uma criança.

O festival Varilux vai até o dia 16 de junho e traz ao Brasil produções comoPoticheUma Doce MentiraUm Gato em ParisO Pai dos Meus FilhosSimon Werner DesapareceuOs Nomes do AmorLoboXeque-Mate (filme mais recente com Sandrine Bonnaire), Vênus Negra e Copacabana, esses dois últimos já exibidos anteriormente no Brasil em outros festivais. 

Portal Terra


Tags: festival varilux, sandrine bonnaire

Compartilhe: