Jornal do Brasil

Quarta-feira, 24 de Maio de 2017

Cultura - Bienal do Livro

Livros voltados ao mundo corporativo são destaque no espaço Coquetel da Bienal

Jornal do Brasil

Coquetel, marca líder no mercado com suas famosas palavras cruzadas, mostra na XV Bienal do Livro do Rio de Janeiro versatilidade na publicação de novos títulos. A mais recente investida do selo da Ediouro é no lançamento de livros, com exercícios e jogos inteligentes, voltados ao mundo corporativo, feitos especialmente para todos os que exercem funções de chefia, buscam crescer na carreira ou ainda querem conquistar novas oportunidades profissionais.

"O mundo corporativo exige profissionais cada vez mais preparados intelectualmente, que sejam capazes de dar respostas rápidas e criativas e, de preferência, empreendedoras. Isso envolve tanto funcionários como donos de seus próprios negócios. No entanto, não raro nos vemos repetindo padrões, utilizando os mesmos estilos de raciocinar na tentativa de resolver problemas. O que propomos em nossos livros é um mergulho no autoconhecimento, para que as pessoas possam lançar mão de suas habilidades conforme as situações se apresentam", explica o editor chefe da Ediouro/Coquetel, Daniel Stycer.

Como destaque, a editora vai promover o pré-lançamento do primeiro livro da série "Desenvolva sua Inteligência /Sequências, 50 jogos para exercitar o pensamento lógico", do  britânico Charles Phillips, mesmo autor do recém-lançado "Treine Seu Cérebro para Negócios - 100 jogos e exercícios para liderar, empreender e prosperar" e da série best-seller "Como Pensar". 

O público que for ao estande da editora (Pavilhão Azul - G04/H03) receberá gratuitamente uma mini-edição de 'degustação' da obra, que chega às livrarias no final de setembro.

"Com mais de 60 anos de experiência na produção de revistas de passatempos, Coquetel vem expandindo a sua atuação através do lançamento de livros de exercícios para o desenvolvimento mental. O cérebro humano está constantemente produzindo sinapses entre os neurônios, o que nos permite aprender o tempo inteiro com nossos erros e acertos. Quanto mais exercitamos o cérebro, repassando situações que vivenciamos no trabalho, por exemplo, mais preparados ficamos para ter um bom desempenho nos negócios", conclui Stycer.

Tags: bienal

Compartilhe: