Deputado norueguês propõe Nobel da Paz para o WikiLeaks

OSLO - Um deputado norueguês sugeriu que o Prêmio Nobel da Paz 2011 seja entregue ao WikiLeaks, alegando que o site especializado na publicação de informações confidenciais favorece a transparência no mundo.

O dissidente chinês Liu Xiaobo recebeu o Nobel da Paz em 2010 "por sua luta em prol dos direitos humanos, a democracia e a liberdade", escreveu em seu blog Snorre Valen, deputado da Esquerda Socialista, um dos partidos que fazem parte do atual governo norueguês.

"Da mesma maneira, o WikiLeaks contribuiu para promover estes valores a nível mundial, ao revelar, entre muitas outras coisas, a corrupção, os crimes de guerra e a tortura, inclusive sob a batuta de aliados da Noruega", acrescentou, referindo-se implicitamente aos Estados Unidos.