Parada após o pôr do sol

Uma ode aos heróis do mar - O friozinho na Fortaleza de São José, na Ilha das Cobras, no seio da Baía de Guanabara, embalou mais uma edição do “Parada após o pôr do sol”, ontem. 

O evento da Marinha do Brasil abordou a importância do mar na integração e desenvolvimento de todos os países de Língua Portuguesa, embalado por uma encenação sobre a história do corpo de fuzileiros navais desde seu surgimento, em 1808, com a vinda da família real ao Brasil. 

O almirante de esquadra Bento Costa Lima Leite Albuquerque Jr. (na foto, o primeiro da esquerda para a direita), diretor-geral de desenvolvimento nuclear e tecnologia da Marinha, Omar Resende Peres, diretor-presidente do JORNAL DO BRASIL, e os almirantes de esquadra Eduardo Bacellar Leal Ferreira, comandante da Marinha; Julio Soares de Moura, ex-comandante da Marinha; e Alexandre José Barreto de Mattos, comandante-geral do Corpo de Fuzileiros Navais, estiveram presentes na emocionante cerimônia.