Copacabana promete o maior Réveillon de todos os tempos

O tradicional espetáculo de Réveillon da cidade do Rio de Janeiro já é conhecido mundo afora. Para a chegada de 2018 foi preparada uma festa que não dura apenas a virada do dia 31 de dezembro para o dia 1° de janeiro. O Rio foi além.

A festa começou oficialmente na noite da última sexta-feira (29) na praia de Copacabana, com o espetáculo da Orquestra Tabajara, mostrou que o #RéveillonRio2018 já entrou para a história. Nas festas da virada, que, ao todo, são dez espalhadas em diversas zonas da cidade, com expectativa de público recorde, como mostra a  ABIH-RJ ao indicar os números da ocupação hoteleira. O Rio está com hotéis chegando a sua capacidade máxima, atingindo mais de 90% de ocupação.

Depois, no dia 6 de janeiro, encerrando o maior Réveillon de todos os tempos e abrindo as festividades para o Carnaval carioca, teremos outro espetáculo na praia de Copacabana: um grande encontro do samba reunindo ritmistas das 13 agremiações do Grupo Especial formando a maior bateria da história. E tudo isso está acontecendo em meio a uma crise que assola o país, e consequentemente o Rio - que ainda sofre com as contas a pagar fruto dos Jogos Olímpicos realizados na cidade no ano passado.

E a cidade não se deixa abater. Através da iniciativa privada as tradicionais festas da cidade não correm perigo e estão confirmadas no calendário de eventos. Além da tradicionalidade, essas festas movimentam o turismo carioca. Vale lembrar, então, que mais de 80% do Réveillon carioca foi custeado pela iniciativa privada em um projeto pioneiro implantado pela Prefeitura do Rio em captação de recursos.

O resultado do trabalho feito até aqui é motivo de alegria e comemoração: uma festa grandiosa usando o menor volume de dinheiro público já investido até hoje. Na véspera da maior virada do ano de todos os tempos e com a cidade cheia de turistas, a cidade encerra o ano de 2017 com a missão cumprida e aguardando por mais um ano de crescimento, sucesso e prosperidade para o Rio de Janeiro.