Departamento de Estado dos EUA emite alerta de violência para manifestações no Rio

O Departamento de Estado dos EUA alertou os cidadãos norte-americanos a evitarem manifestações perto da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), advertindo que os protestos na área têm se tornado extremamente violentos.

Os norte-americanos no Brasil estão sendo alertados a evitar as manifestações que estão sendo convocadas desde a semana passada, em frente à Alerj, contra as medidas de austeridade propostas pelo governo estadual. 

A truculência policial e os confrontos com os manifestantes foram tão intensos na semana passada que repercutiram internacionalmente. Nesta segunda, o Departamento dos EUA emitiu um comunicado veiculado pelo Consulado Geral do país no Rio de Janeiro.

"Os cidadãos norte-americanos devem evitar os protestos e as áreas onde grandes reuniões [de manifestantes] possam ocorrer", diz o alerta. "Até mesmo manifestações ou eventos que pretendem ser pacíficos podem se transformar em confronto e possivelmente escalar em violência". 

O aviso foi emitido após as convocações nas redes sociais sobre o ato planejado para esta segunda-feira.