Preso homem que se passava por diretor do Procon para praticar extorsão

Policiais da Delegacia do Consumidor (Decon) prenderam, na sexta-feira (4), Fabio Barnardino dos Santos, 41 anos. Ele foi autuado em flagrante por extorsão, quando se fez passar por diretor do Procon.

De acordo com o delegado titular da especializada, Gilberto Ribeiro, o criminoso telefonou para um restaurante em Rio Bonito, informando que o estabelecimento passaria por uma fiscalização do Procon, da Decon e do Corpo de Bombeiros. Ele cobrou R$ 1.500 para que a suposta operação não se realizasse. 

Ainda segundo o delegado, a vítima realizou o pagamento e quando Fábio foi ao caixa eletrônico, localizado no metrô de Acari, para sacer o dinheiro, foi abordado pelos agentes, que conseguiram recuperar a quantia. A prisão foi possível após a instauração de inquérito policial para apurar crimes de extorsão em concurso material e associação criminosa. A investigação constatou que o criminoso realizava, diariamente, ligações para comerciantes, sempre falando em nome do PROCON, DECON, ANVISA, CBMERJ e MP, em que exigia dinheiro para cancelar a fiscalização marcada.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais