Estado do Rio de Janeiro bate meta de vacinação contra a gripe

O estado do Rio de Janeiro ultrapassou a meta estipulada pelo Ministério da Saúde de vacinação contra a gripe e imunizou 80,94% do público-alvo. A marca de 80% foi ultrapassada na última terça-feira (23/06), 11 dias após o fim da prorrogação da campanha nacional.  Dentro do grupo prioritário, gestantes e crianças (de 6 meses a 5 anos), foram os que menos se vacinaram, respectivamente com 69,2% e 71,71% de cobertura vacinal.

O grupo prioritário inclui ainda mulheres com até 45 dias do parto (as chamadas puérperas), idosos, população carcerária, doentes crônicos e profissionais de saúde e do sistema prisional.  Ao todo, 1.500 postos de saúde nos 92 municípios em todo estado do Rio atuaram para garantir a imunização. A vacina é capaz de imunizar contra os três subtipos de vírus da gripe que mais circularam no último inverno: A/H1N1 (gripe suína); A/H3N2 e influenza B.

Para o secretário de Estado de Saúde, Felipe Peixoto, a vacina é forma mais eficaz de prevenir a gripe, doença que pode ter sérias complicações. "É importante que as pessoas continuem procurando os postos de saúde. A gripe parece uma doença branda, mas pode evoluir de forma grave e levar até a óbito. Nosso trabalho de conscientização não terminou com a campanha do Ministério da Saúde", destacou Peixoto.

Em 2014, o estado do Rio de Janeiro atingiu 83,98% de cobertura vacinal, ultrapassando a meta do Ministério.