Sem uso racional, pode faltar água no Rio, diz doutor em ecologia urbana

O arquiteto e doutor em ecologia urbana Adilson Roque dos Santos diz que toda a Região Sudeste passa atualmente por uma crise hídrica provocada pela estiagem prolongada. Quanto ao abastecimento do Rio de Janeiro, para ele, o risco de faltar água pode ocorrer se a população não se conscientizar da importância do uso racional do bem natural.

“O sistema de abastecimento do Rio é o Rio Paraíba do Sul. Toda a bacia do Paraíba está comprometida por causa da seca, que está muito intensa. Nós estamos com água nos rios e nos mananciais, mas tem tido menos chuvas nesses tempos e aí isso está afetando o Sudeste como um todo. O que vai nos levar a não correr o risco [de ficar sem água] é a gente consumir bem menos do que está acostumado a consumir”.

Apesar de relatos de consumidores de falta de abastecimento em alguns pontos da cidade desde ontem (1º), a Companhia Estadual de Águas e Esgotos (Cedae) informa que os problemas são pontuais, causados por uma queda de pressão no macrossistema e que o fornecimento será normalizado nesta noite. A companhia informou que não há risco de falta de água na região metropolitana do Rio de Janeiro.