PM apreende 40 quilos de maconha em comunidade do Rio

Quatro pessoas foram feridas, vítimas de disparos de arma de fogo na noite desta quinta-feira (2), próximo a um dos acessos à comunidade Nova Brasília, no Complexo do Alemão, na Zona Norte da capital. Segundo a Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP) não houve registro de confronto armado na região, no momento do ocorrido. 

Na Baixada Fluminense, criminosos praticaram atos de violência, deixando três veículos incendiados. Na Comunidade do Jacarezinho, na Zona Norte, a Polícia Militar (PM) apreendeu 40 quilos de maconha em um táxi.

De acordo com a CPP, policiais da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Adeus/Baiana, que estavam baseados próximo à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Alemão, foram procurados por um grupo de pessoas vítimas de disparos de arma de fogo, quando compravam alimentos em uma barraca, na calçada do terreno da ex-fábrica Tuffy. As balas acertaram dois homens, um no joelho e o outro no ombro,  que foram encaminhados para a UPA. Além deles, dois menores foram para a unidade com ferimentos leves causados por estilhaços. A polícia não revelou os nomes dos feridos.

As vítimas não souberam especificar de onde partiram os disparos e os policiais da UPP foram até o local do incidente para averiguar a situação. De acordo com o delegado titular da 45ª Delegacia de Polícia do Complexo do Alemão, William Pena Junior, o caso está sendo investigado e os quatro feridos serão ouvidos. A Polícia Civil informou que agentes estão em diligências na busca de informações que ajudem a apurar as circunstâncias do fato.

Na Comunidade do Jacarezinho, a PM apreendeu 40 tabletes de maconha, de 1kg cada, dentro de um táxi, enquanto patrulhavam no local. De acordo com os soldados, os agentes avistaram o táxi em atitude suspeita e piscaram os faróis ordenando que o veículo parasse. O motorista abandonou o veículo e conseguiu fugir por um dos becos da comunidade. Ao inspecionar o veículo, os policiais encontraram a droga. O caso foi registrado na 17ª Delegacia de Polícia, em São Cristóvão.