Estação Antero de Quental do metrô é aberta a visitação

As obras da Estação Antero de Quental, no Leblon, foram abertas a visitação neste domingo. Moradores do bairro puderam conhecer o trabalho já executado abaixo do solo e conversar com engenheiros. A partir de 2016, a estação vai atender a um público estimado de 35 mil passageiros por dia e terá dois acessos, um na lateral da Rua General Urquiza e outro na lateral da Avenida Bartolomeu Mitre. Cerca de 160 pessoas se inscreveram para participar da visita guiada, que já acontece em outros canteiros de obras da Linha 4 do Metrô, sempre no último domingo do mês.

 Logo no início da visita, são apresentados detalhes das intervenções e esclarecidas dúvidas sobre as obras. Em seguida, o grupo de visitantes conhece a estação, na companhia de engenheiros do consórcio e de representantes da Companhia de Transportes sobre Trilhos do Estado (RioTrilhos). A Estação Antero de Quental já está com a laje de cobertura construída e as escavações dos dois acessos de usuários finalizadas. A saída voltada para a Rua General Urquiza também já está recebendo as armações e concretagem. A laje do nível de acesso dos passageiros que vão embarcar pela Avenida Bartolomeu Mitre está em construção.

"Esta é a primeira visita guiada da comunidade à Estação Antero de Quental. Ela tem a finalidade de apresentar aos moradores os avanços das obras no bairro. Já fizemos toda parte de estrutura externa, que é a laje. A próxima etapa será escavar até o fundo", explicou o gerente de Obras da RioTrilhos, Marco Antônio Lima Rocha.    

Com a Linha 4 do Metrô, que ligará a Barra da Tijuca a Ipanema, a expectativa é de que mais de 300 mil pessoas sejam transportadas por dia, retirando das ruas cerca de 2 mil veículos por hora nos horários de pico. Com a nova linha, o passageiro poderá utilizar todo o sistema metroviário da cidade com uma única tarifa. 

Serão seis estações (Jardim Oceânico, São Conrado, Gávea, Antero de Quental, Jardim de Alah e Nossa Senhora da Paz) e aproximadamente 16 quilômetros de extensão. A Linha 4 do Metrô entrará em operação no primeiro semestre de 2016, após passar por uma fase de testes. Será possível ir da Barra a Ipanema em 15 minutos e da Barra ao Centro em 34 minutos. Os usuários poderão ainda deslocar-se da Barra da Tijuca até a Pavuna, pagando apenas uma tarifa.