PF prende dois passageiros com cocaína nas últimas 12 horas no Tom Jobim

Nas últimas 12 horas, a Polícia Federal prendeu dois passageiros estrangeiros que tentavam embarcar para Europa e África com 6.625 quilos de cocaína no Aeroporto Tom Jobim. Autuados por tráfico internacional de drogas as duas pessoas presas podem ser condenadas a penas que variam de 5 a 15 anos de reclusão com aumento de um terço a dois terços.

No final da noite de ontem um holandês de 30 anos despachou sua bagagem para embarcar no voo TP 074 para Lisboa no Aeroporto Internacional Tom Jobim.  Em procedimento de rotina, toda a bagagem foi submetida a exame de Raios-X, quando foi percebido que em uma mochila havia substância suspeita em um fundo falso.

Policiais federais do Aeroporto Tom Jobim revistaram a bolsa na presença do passageiro encontrando substância branca em um fundo falso. Foram apreendidos 2.140 quilos de cocaína. O destino final da droga apreendida seria a cidade de Amsterdã, na Holanda.

Após análise da lista de passageiros usando técnicas de inteligência, policiais federais acompanharam  uma passageira russa de 24 anos classificada como suspeita durante o check in do voo EK 0248  Rio X Dubai na madrugada de hoje.  A passageira ficou muito nervosa ao ser informada pela empresa EMIRATES sobre o cancelamento do voo, tentando embarcar em qualquer outra aeronave para sair do Rio de Janeiro.

Em sua bagagem foram encontrados 4,485 quilos de cocaína embalados no interior de um equipamento eletrônico. Tanto o passageiro holandês quanto a de origem russa foram encaminhados ao Presídio Ary Franco e vão responder pelo crime de tráfico internacional de drogas.