Prefeitura fechará entorno do Maracanã cinco horas antes da final de domingo

?A final da Copa das Confederações vai exigir um esquema especial de trânsito. A Prefeitura do Rio de Janeiro resolveu fechar todo o entorno do Estádio Maracanã cinco horas antes da partida, que começa às 19h, no domingo (30). A rua Eurico Rabelo, que passa nas entradas dos setores B e C será bloqueada antes, às 13h. O motivo é que haverá uma cerimônia de encerramento e os portões da final serão abertos já às 14h.

A prefeitura recomenda que o acesso ao estádio seja feito prioritariamente por trem e metrô e solicita, caso seja possível, que os motoristas evitem transitar pela região do Maracanã na tarde do próximo domingo, por conta do grande número de interdições. Pessoas que não portarem ingressos para o jogo sequer conseguirão passar pelos bloqueios da polícia militar, que estarão postados em todas as três estações do entorno do estádio.

Os usuários que optarem por usar o metrô e o trem para ir ao Maracanã terão gratuidade na passagem a partir das 12h também mediante apresentação do ingresso da partida. A gratuidade não é válida para o sistema de ônibus. Para a saída do estádio o benefício da gratuidade será válido apenas nas estações de metrô de São Francisco Xavier, São Cristóvão e Maracanã até duas horas após o término da partida, e na estação de trem de São Cristóvão, também mediante a apresentação do ingresso.

O itinerário das linhas de ônibus que atendem o entorno do Maracanã sofrerá alterações. As 53 linhas dos Consórcios Intersul, Internorte, Transcarioca e Santa Cruz terão desvios para garantir acesso aos pedestres e fluxo operacional do evento, respeitando os bloqueios implantados na operação de trânsito.

Toda a operação contará com 735 controladores da CET-Rio e agentes da Guarda Municipal, incluindo guardas de trânsito e controle urbano. Serão empregados também 40 veículos operacionais e 45 motocicletas para monitoramento de toda a região e rápido deslocamento em caso de alguma necessidade. Ao todo, 37 painéis de mensagens variáveis - entre fixos e móveis - estão sendo utilizados informando aos motoristas sobre as alterações no trânsito, rotas alternativas e as condições do tráfego. Além disso, dez reboques da CET-RIO serão posicionados nos arredores para desobstrução das vias em caso de acidente ou quebra de algum veículo.

O Centro de Operações Rio (COR) irá monitorar toda a área do evento com 42 câmeras, permitindo que técnicos da CET-RIO implantem ajustes na programação dos semáforos com o objetivo de garantir a fluidez do trânsito e adaptá-lo às novas condições após a implantação dos bloqueios no entorno do Maracanã.

A operação será iniciada às 17h do dia anterior à partida (sábado), com a implantação das áreas em que haverá proibição de estacionamento e tem previsão de término à meia-noite com o restabelecimento do trânsito em condições habituais em toda a região impactada.

A prefeitura recomenda a todos os moradores que evitem circular de carro na região durante o evento. No caso específico dos que possuem vaga de garagem, sendo indispensável acessar a área bloqueada, poderão fazê-lo exclusivamente acessando a Rua General Canabarro e a Rua Luiz Gama, desde que estejam com a credencial fixada no vidro dianteiro do veículo.