Anac, Polícia Federal e Aeronáutica fiscalizam aviões de pequeno porte no RJ 

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), a Polícia Federal e o Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea), da Aeronáutica, realizam, neste final de semana, uma operação conjunta para fiscalizar aeronaves de pequeno porte que fazem voos não regulares, como táxis aéreos, helicópteros e aviões particulares. A ação está sendo feita em sete aeródromos do estado do Rio de Janeiro.

O objetivo é fiscalizar a situação de documentação da aeronave e do piloto, as condições do equipamento e se há irregularidades na execução do plano de voo. Somente ontem (25), primeiro dia da operação, foram fiscalizadas 100 aeronaves, das quais 29 tinham algum tipo de irregularidade.

De acordo com a Anac, essa é a primeira vez que Anac, Decea e Polícia Federal se unem em uma operação para fiscalizar aeronaves de pequeno porte. A ideia é fiscalizar aeródromos também em outros estados brasileiros ao longo de 2013. O balanço da operação no Rio será divulgado na segunda-feira (28).