Policiais fazem perícia no local onde menina Adrielly foi baleada

Policiais da Delegacia de Homicídios (DH) do Rio de Janeiro fazem perícia nesta segunda-feira na comunidade do Urubuzinho, na Piedade, Zona Norte da cidade, local onde Adrielly dos Santos Vieira, 10 anos, foi atingida na cabeça por uma bala perdida na noite de Natal. Ela morreu no último dia 4, cinco dias depois de ter morte cerebral diagnosticada. 

A equipe da DH começou os trabalhos por volta das 9h, segundo informações da assessoria de comunicação da Polícia Civil. A previsão é que a perícia seja encerrada ainda hoje. 

Na madrugada do dia 25, Adrielly aguardou por oito horas por atendimento médico no Hospital Municipal Salgado Filho depois de ter sido atingida por uma bala perdida durante as comemorações de Natal. A demora ocorreu porque o único médico escalado para a noite havia faltado ao plantão. O prefeito Eduardo Paes (PMDB) anunciou a implantação de controle biométrico de ponto nas unidades de saúde, para evitar esse tipo de falta.