Acidente de ônibus em bairro do Rio deixa 16 pessoas feridas

Um ano e três meses após o acidente com o bondinho de Santa Teresa, bairro localizado na zona central da capital fluminense, que resultou em seis mortes e mais de 50 feridos, um acidente hoje (28), no mesmo local, desta vez com um ônibus da empresa Localiza, deixou 16 passageiros feridos. As vítimas foram socorridas pelos bombeiros e levadas para o Hospital Souza Aguiar, no centro da cidade, e a maioria liberada. 

Segundo levantamento feito pelo Núcleo de Transportes da Associação de Moradores de Santa Teresa, em média, cinco passageiros por dia prestam queixa na delegacia do bairro contra o excesso de velocidade dos motoristas de ônibus que servem ao bairro. Para o diretor da associação, Álvaro Braga, o acidente de hoje ocorreu por negligência da empresa, que segundo ele, promove uma competição interna entre seus funcionários. 

"Santa Teresa é um lugar que tem curvas fechadas, vias estreitas, com carros estacionados de ambos os lados. A empresa por sua vez estimula uma disputa entre seus empregados. Eles são obrigados, cada um, durante o período de trabalho, a recolher 250 passageiros que paguem em dinheiro, deixando muitos idosos e estudantes, que pagam com cartão, sem transporte”, disse. 

Ainda segundo Braga, a associação se reuniu com representantes da Secretaria Municipal de Transportes duas vezes nos últimos três meses, solicitando revisão dos ônibus. Mas nenhuma providência foi tomada. 

"Por enquanto não temos nenhuma posição das autoridades, vários e-mails já foram enviados por parte da associação, mas ainda não obtivemos resposta. Todos os dados estão aí, o que mais precisa acontecer para algo ser feito?" 

Procurada pela reportagem da Agência Brasil, a Secretaria Municipal de Transportes não quis se pronunciar sobre o fato. O mesmo ocorreu com a empresa de ônibus Localiza.