Confronto entre policiais da UPP do Andaraí e traficantes deixa dois mortos

Dois traficantes morreram em confronto com policiais da UPP do Andaraí, na Zona Norte do Rio, na noite desta quarta-feira. Jean Alves Vieira, de 18 anos, morreu ao dar entrada no Hospital do Andaraí. Já Ednilson da Conceição, de 21 anos, chegou a ser operado, mas não resistiu e morreu esta madrugada.

Os policiais apreenderam drogas, um revólver e a réplica de uma pistola.

Testemunhas disseram que Jean e Ednilson foram flagrados fumando maconha no morro e foram levados para a sede da UPP, sendo liberados em seguida. No entanto, mais tarde, os policiais voltaram a encontrar os suspeitos na localidade conhecida como Escadão, na Rua Leopoldo, principal acesso ao Morro do Andaraí. Os jovens teriam sido executados, segundo moradores.

Em nota, a PM informou que os agentes estavam em patrulhamento quando avistaram os dois suspeitos vendendo drogas em um beco da Rua Leopoldo, na localidade conhecida como Escadão, por volta das 21h. Ao verem os militares, Jean e Ednilson atiraram. Um soldado revidou e, com apenas um tiro, feriu os dois homens. Com eles, ainda segundo a coordenadoria da polícia, foram apreendidos 152 papelotes de cocaína, 106 trouxinhas de maconha, um revólver calibre 32 e a réplica de uma pistola.

Os familiares dos mortos alegam que cada um foi morto com tiro de fuzil. Segundo eles, médicos do Hospital do Andaraí informaram que Jean levou um tiro no rosto e que o projétil que matou Ednílson entrou na nuca e se alojou na testa.