Suspeito de matar líder comunitário da Rocinha é preso dentro da favela 

A Polícia Civil prendeu, nesta quinta-feira (12), um dos suspeitos de ter assassinado o presidente da associação de moradores da Rocinha, Vanderlan Barros de Oliveira, 41 anos, o Feijão. Thiago Martins Cafiero, conhecido como FM, foi preso dentro da comunidade por policiais da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) e da Divisão de Homicídios (DH).

O crime aconteceu no dia 26 de março. Desde novembro do ano passado a Rocinha está ocupada por forças de segurança para a instalação de uma Unidade de Polícia Pacificadora (UPP).

No dia 4, um policial militar foi assassinado em patrulhamento a pé na comunidade. Antes dele, outras oito mortes haviam sido registradas na região, resultado da guerra do tráfico. Depois da ocorrência das mortes, o efetivo policial na Rocinha foi reforçado.