Enfermeira é presa depois de aplicar silicone em dezenas de mulheres

Policiais da 64ª DP (São João de Meriti), prenderam a enfermeira Fernanda Ouverney Valente, de 25 anos, acusada de aplicar silicone em mulheres na Baixada Fluminense, sem contar com qualificação profissional compatível com a atividade exercida.

De acordo com os policiais, maridos de duas mulheres que estão internadas em estado gravíssimo, denunciaram Fernanda na última quarta-feira (28), após aplicação de silicone e metacrill em dezenas de mulheres na Baixada Fluminense.

Assim que receberam a denúncia, os agentes se dirigiram até a casa de Fernanda Ouverney, onde conseguiram apreender frascos de soro, medicamentos, luvas, agulhas, fotos, receitas e diversos cheques.

O mandado de prisão foi expedido pela 1ª Vara Criminal de São João de Meriti e ela será indiciada por lesão corporal, exercício ilegal da medicina, além de ser indiciada no artigo 273 do Código Penal. A pena pode variar entre 10 e 15 anos de reclusão.