Polícia estoura central clandestina de distribuição de sinal de internet

Policiais da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI) estouraram, nesta quarta-feira, uma central clandestina de distribuição ilegal de sinal de internet, em Mangaratiba, Região da Costa Verde do estado.  O responsável pelo estabelecimento foi autuado por exploração ilegal de sinal de internet.

Segundo o delegado titular da especializada, Gilson Perdigão, os agentes monitoraram um site de um estabelecimento comercial em que eram supostamente comercializados equipamentos de informática quando, na verdade, funcionava como base da distribuição ilegal de sinal. Os policiais chegaram ao local ao usarem um programa específico de inspeção de rede sem fio, que rastreou e localizou a antena responsável pela redistribuição de sinal.

Ainda de acordo com o delegado, tanto a potência quanto a frequência da antena e do radiotransmissor são capazes de alcançar e interferir a faixa da aviação civil e comercial. O estabelecimento foi interditado.