"Imprudência do ciclista poderia  ter causado três mortes", diz Eike Batista

Filho do empresário atropelou e matou homem em bicicleta na Washington Luís

O empresário Eike Batista voltou a defender o filho, Thor Batista, no Twitter, nesta segunda-feira (19). O primogênito milionário se envolveu em um acidente de carro no início da noite de sábado (17), na Rodovia Washington Luís, na altura do km 101, em Duque de Caxias. A Mercedes SLR Mc Laren que Thor dirigia atingiu o ajudante de caminhão Wanderson Pereira dos Santos, 30 anos, que andava de bicicleta. 

"Ele [Thor] fez o que todo cidadão honrado deve fazer", disse, em resposta a internautas. "A imprudência do ciclista podia ter causado três mortes", completou. No domingo, Eike saiu em defesa do filho no microblog e afirmou que estava dando toda a assistência necessária à família da vítima.

 "Lamento profundamente pelo acidente ocorrido na noite de ontem [sábado], envolvendo meu filho Thor e um ciclista", escreveu. "Minha solidariedade a família e meu compromisso de que toda a assistência necessária será prestada. Infelizmente aconteceu um acidente fatal. Porém a imprudência não foi do Thor". 

Em nota, a empresa de Eike Batista, EBX, afirmou que o jovem lamentava o ocorrrido e que ele estaria dentro da velocidade permitida pela rodovia. Thor deve se apresentar na 61ª DP, que investiga o caso, na quinta-feira às 15h, para prestar depoimento.