Teleférico do Alemão inicia operação plena a partir deste sábado

O teleférico do Complexo do Alemão iniciará sua operação plena a partir deste sábado. O sistema foi inaugurado em julho e registra uma média de 9 mil passageiros por dia - até o momento, aproximadamente 800 mil passageiros já foram transportados, no que já se transformou em um ponto turístico.

O teleférico funcionará de segunda a sexta das 6h às 21h; aos sábados, das 8h às 20h; e aos domingos e feriados, das 9h às 15h. A perspectiva é que, com o início da operação plena e o costume dos passageiros na utilização deste tipo de transporte, inédito no país, o número de pessoas a utilizar o teleférico por dia chegue gradativamente a 30 mil.

O cadastramento de moradores, iniciado em 25 de julho pela RioCard para garantir gratuidade das passagens (ida e volta), continua a ser pré-agendado por telefone, mas também está disponível um posto na estação de Bonsucesso. Para o registro, o morador deverá apresentar CPF e comprovante de residência. O débito ocorre apenas após duas viagens diárias, seguindo política de gratuidade concedida pelo governo estadual.

O teleférico tem 3,5 km de extensão e 152 gôndolas, com capacidade para transportar 10 passageiros cada uma, sendo oito sentados e dois em pé. A viagem da primeira estação (Bonsucesso) à última (Palmeiras) tem duração de 16 minutos.

A tarifa para quem não é morador (ou para quem usar o teleférico mais que duas vezes por dia) será de R$ 1. A tarifa de integração entre o trem e o teleférico (embarcando em qualquer estação da Supervia) será de R$ 2,8.