Rio supera SP em indicação de hotéis pela Fifa para Copa 2014

A Fifa listou a relação de hotéis indicados para a hospedagem dos turistas que acompanharão a disputa do Copa do Mundo de 2014, que será realizada no Brasil. Ao todo, foram 695 sugestões e o Rio de Janeiro foi o estado que recebeu o maior número de indicações, 115 no total, superando São Paulo, que recebeu 106. Palco de sete jogos da principal competição do futebol mundial, incluindo a grande final, a capital carioca teve 77 hotéis relacionados, enquanto a cidade de São Paulo, que sediará um jogo a menos, ficou com 81.

A lista contém os principais empreendimentos do ramo de hotelaria dos Estados que sediarão os jogos do Mundial: Amazonas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Mato Grosso, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e São Paulo. Para as indicações, a Fifa levou em consideração diversos quesitos, entre eles: a proximidade dos hotéis em relação aos locais em que os eventos esportivos serão realizados, a distância dos principais aeroportos do Brasil, a capacidade do número de hóspedes e a qualidade dos serviços prestados.

Belo Horizonte, que sediará seis jogos da Copa - entre eles uma das semifinais da competição -, é uma das cidades que mais recebe críticas em relação à rede hoteleira. A capital mineira possui o número de leitos recomendados pela Fifa, porém ainda sofre com a falta de hotéis qualificados para receber um evento internacional deste porte.

Os representantes de Minas Gerais buscam a solução junto à iniciativa privada com o intuito de construir novos hotéis e reforçar o trabalho de capacitação dos profissionais para atender melhor os turistas. A Fifa recomendou 37 hotéis na cidade de Belo Horizonte e mais 16 em regiões próximas, totalizando 53 no Estado.

A capital do País conta com 24 indicações, quantia relativamente pequena para uma cidade que, ao lado do Rio de Janeiro, receberá o maior número de jogos entre as sedes: setes no total, incluindo a decisão de terceiro e quarto lugar do Mundial.

Outros centros importantes do futebol brasileiro, Rio Grande do Sul e Paraná contam com 90 e 79 hotéis indicados, respectivamente. Já o Estado do Mato Grosso ficou com o menor número de sugestões: 26 apenas. Além das 12 cidades-sedes, a Fifa relacionou outras 65 cidades, que ficam em regiões próximas aos eventos do Mundial, capazes de atender os milhares de turistas que acompanharão a Copa do Mundo entre os meses de junho e julho de 2014.