Obras do Porto Maravilha alteram itinerários das linhas vindas da Baixada

Ônibus circularão pelas avenidas Venezuela e Rodrigues Alves

A partir do próximo sábado (22), as linhas intermunicipais que vêm dos municípios da Baixada Fluminense e passam pela Praça Mauá terão seus itinerários e pontos de parada alterados, em função das mudanças no trânsito da região portuária do Rio, para o prosseguimento das obras de revitalização da área, o projeto Porto Maravilha. 

Conforme solicitado pela CET-Rio, o Departamento de Transportes Rodoviários (Detro) já comunicou às empresas sobre a mudança e, a partir deste sábado, não haverá mais pontos finais nas ruas Sacadura Cabral e Edgar Gordilho. Os ônibus da Expresso São Jorge, Auto Viação Jurema, Viação Caravele, Auto Viação Reginas, Evanil, Transmil, Trell, Mageli e Transportadora Tinguá que vinham fazendo parada naquele local, circularão pela avenida Venezuela, onde as linhas serão distribuídas em quatro pontos de embarque e desembarque, no trecho entre as ruas Barão de Tefé e Edgar Gordilho. 

Os coletivos terão, ainda, um ponto regulador na Avenida Rodrigues Alves, entre as ruas Professor Pereira Reis e Rivadávia Correa, onde os despachantes organizarão a operação das linhas. 

As linhas com destino ao Castelo, Passeio e Praça XV, que circulam pela Praça Mauá, também contarão com um ponto de parada no trecho entre as ruas Barão de Tefé e Edgar Gordilho. 

Durante a primeira semana, a fiscalização do Detro estará no local, orientando os usuários sobre as alterações. As linhas intermunicipais que faziam ponto final na Praça Mauá, farão ponto, a partir deste sábado, na Av. Venezuela