Secretaria de Trabalho e Renda entra na luta pela reintegração de ex-presidiários

Nesta segunda-feira (26/9), às 11h, no Prédio Anexo do Palácio Guanabara, será oficializada a parceria entre a Secretaria de Trabalho e Renda e o programa Empregabilidade, do Grupo Cultural AfroReggae. O programa promove a reintegração social de detentos e ex-detentos, por meio de cursos profissionalizantes e oportunidades de trabalho formal. A parceria otimizará o trabalho já realizado pelo AfroReggae desde de 2008. 

- Entramos para agregar, aumentar as possibilidades técnicas e de pessoal. Também é nossa missão trabalhar pela reintegração social, gerando trabalho e renda - destacou o secretário de Estado de Trabalho e Renda, Sergio Zveiter.

Além do secretário, participam da cerimônia músicos da Orquestra de Cordas do AfroReggae, ex-detentos e policiais civis.

 O programa

O Empregabilidade começou como um projeto em fevereiro de 2008. Até junho deste ano, 2.069 pessoas foram inseridas no mercado de trabalho formal, sendo que 924 delas eram egressas do sistema penitenciário ou ex-detentos cumprindo liberdade condicional. Todos foram empregados com carteira assinada e direitos trabalhistas assegurados. Deste total, cerca de 30% são mulheres, 20 delas ex-presidiárias. O número de empresas parceiras do projeto já chega a 38.

Instalado no Centro do Rio, o escritório do Empregabilidade é coordenado por Norton Guimarães, 54 anos, 30 na criminalidade e 11 perdidos em uma penitenciária.

- Quando saí da prisão, descobri que a vida aqui fora era muito mais difícil. Queria ter uma vida honesta, mas ninguém me dava oportunidade. Não há emprego para quem quer mudar de vida. Só há preconceito - lembra Norton, que está no AfroReggae há mais de quatro anos.

Reincidência

Dados do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), divulgados em setembro deste ano, apontam uma taxa nacional de reincidência de sete em cada 10 ex-detentos: 70% dos libertados voltam ao crime no Brasil. Segundo o CNJ, este é um dos maiores índices do mundo.

- A parceria vai contribuir para a diminuição desta estatística alarmante, combatendo o índice de reincidência de ex-presidiários ao crime no Rio de Janeiro e promovendo a cidadania e, consequentemente, diminuindo a criminalidade - disse Norton Guimarães, coordenador do programa Empregabilidade.

Como funciona

Os interessados devem agendar uma entrevista pelo telefone (21) 2220-5175, pelo e-mail [email protected] ou diretamente no escritório do Empregabilidade, que fica na Rua da Lapa,180, Sala 1.205, Centro.