Ministro do Esporte inaugura academia de ginástica gratuita no Complexo do Alemão no Rio

Rio de Janeiro – O ministro do Esporte, Orlando Silva, inaugurou hoje (6) a primeira academia de ginástica gratuita no Complexo do Alemão, zona norte do Rio. O evento no conjunto de favelas que desde o fim do ano passado é ocupado pelas forças de segurança marcou as comemorações do Dia Mundial da Atividade Física.

A construção da academia faz parte do projeto Academia na Praça, da organização não governamental (ONG) Arte e Vida. A ONG captou recursos por meio da Lei de Incentivo ao Esporte, em vigor desde 2007. Um banco privado investiu cerca de R$ 650 mil e vai cuidar do espaço por 19 meses. A meta dos organizadores é atender, no mínimo, 600 alunos por dia.

Durante a inauguração, Orlando Silva conheceu todas as instalações da academia. Segundo o ministro, a iniciativa tem o valor simbólico de estimular a atividade física em todo o Brasil.

“A Lei de Incentivo ao Esporte foi uma reivindicação para que nós tivéssemos incentivos fiscais para empresas que patrocinassem projetos, eventos, atletas, clubes. E ela hoje é uma realidade. Essa academia é um belo exemplo de projeto que vai estimular a atividade física”, disse o ministro.

Para se matricular é preciso ter 15 anos ou mais, levar documento de identificação com foto, atestado médico, além de preencher um questionário sobre saúde pessoal.

A moradora da comunidade Vaniza Soares dos Santos, de 26 anos, aprovou a novidade. “Foi maravilhoso ter feito esse espaço aqui porque onde a gente mora não tinha nada disso. Espaço de lazer, conforto, a gente não tinha. E, hoje, nós que somos novas temos o prazer de utilizar e entrar em forma.”

Serão disponibilizados 25 aparelhos de musculação, construídos em aço inoxidável, e uma equipe de 13 profissionais será responsável por atribuir os exercícios físicos apropriados para cada pessoa, além das aulas de ginástica, ioga e capoeira.